ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Recanto das Palmeiras lidera isolamento e Moreninha tem taxa de apenas 20%

Os bairros retratam situações extremas em Campo Grande no quesito isolamento social

Por Aline dos Santos | 02/08/2020 11:30
Moreninhas teve a pior taxa de isolamento em Campo Grande no sábado. (Foto: Gabriel Marchese/Arquivo)
Moreninhas teve a pior taxa de isolamento em Campo Grande no sábado. (Foto: Gabriel Marchese/Arquivo)

O isolamento social, sempre tão defendido para conter o avanço do novo coronavírus foi de extremos ontem, sábado, em Campo Grande. Na Moreninha, o resultado foi de apenas 20%, enquanto que no Recanto das Palmeiras, chegou a 65%.

Ao todo, a cidade teve taxa de 39,8%. Ainda de acordo com o levantamento, o isolamento foi levado mais a serio em outros quatro bairros: Jardim dos Estados (60%), Carandá Bosque (58,30%), Santa Mônica (57,90%) e Núcleo Industrial (53,70%).

Além da Moreninha, o clube dos piores bairros no quesito isolamento tem Mata do Segredo (taxa de 23,30%), José Abrão (23,50%), Tiradentes (23,70%) e Coronel Antonino (25%).

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Nos dois últimos fins de semana, a Capital teve medidas mais rígidas e só puderam funcionar as atividades essenciais. Neste fim de semana, houve flexibilização.  Em Mato Grosso do Sul, a taxa de isolamento foi de 40,30%.

O melhor resultado foi em Japorã: 71,40%. E a pior taxa ficou com Laguna Carapã, apenas 25%. Os dados são divulgados pela SGI (Superintendência de Gestão da Informação), órgão do governo do Estado.