A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/03/2015 11:45

Rui Barbosa será a rua mais vigiada por sistema de câmeras no Centro

Aline dos Santos e Kleber Clajus
Câmera grava em 360º e tem 450 metros de alcance. (Foto: Marcos Ermínio)Câmera grava em 360º e tem 450 metros de alcance. (Foto: Marcos Ermínio)
Segundo Azambuja, centro de controle não será terceirizado. (Foto: Marcos Ermínio)Segundo Azambuja, centro de controle não será terceirizado. (Foto: Marcos Ermínio)

A Rui Barbosa será a rua mais vigiada de Campo Grande a partir de abril. A via, no Centro da cidade, vai receber câmeras em quatro cruzamentos: com 26 de Agosto, Afonso Pena, Dom Aquino e Maracaju.

O segundo ponto com maior monitoramento eletrônico será a Orla Morena. As câmeras serão instaladas nas ruas Santo Dumont, Antônio Maria Coelho e avenida Noroeste.

De acordo com o secretário municipal de Segurança Pública, Valério Azambuja, houve alteração no cronograma do videomonitoramento. Em vez da primeira quinzena, o sistema funcionará na segunda metade do mês de abril. Azambuja atribui a mudança aos feriados e a chuva.

Com recursos de R$ 860 mil do Ministério da Justiça e contrapartida de R$ 150 mil do município, o sistema tem nove quilômetros de fibra óptica e 22 câmeras. “Se verificou que 90% dos furtos e roubos estão concentrados nesta região central onde as câmeras estarão dispostas”, afirma o secretário.

O tempo estimado para resposta em casos de crimes e acidentes de trânsito será de três a cinco minutos. As imagens serão monitoradas 24 horas, com equipe formada por seis a oito guardas municipais. “Não vai haver terceirização. Quem vai cuidar disso é a Guarda Municipal”, garante Azambuja.

Segundo o secretário, pode acontecer do crime mudar de endereço. Ou seja, os ladrões procurarem locais sem câmeras. “É um embrião. Queremos ampliar para os bairros”, diz.

Conforme o presidente do IMTI (Instituto Municipal de Tecnologia da Informação), Evonaldo Francisco dos Santos, as imagens serão armazenadas por 30 dias. As câmeras têm 450 metros de alcance, geram imagens em 360º e dispositivo day/night (dia e noite).

O Centro de Controle Operacional será instalado em frente ao Horto Florestal e coordenado pela Guarda Municipal, em parceria com Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) e Defesa Civil. Um convênio com a PM (Polícia Militar) está em análise.

O sistema contempla o quadrilátero formado pelas ruas Rui Barbosa; 26 de Agosto, Noroeste e avenida Mato Grosso, cobrindo espaços e vias de grande aglomeração, como o Mercadão Municipal, Camelódromo, Praça Ary Coelho, Morada dos Bais, Orla Ferroviária e Feira Central.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions