A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

23/04/2014 16:54

Saúde multa donos de cães com leishmaniose e criados soltos na rua

Edivaldo Bitencourt

A Prefeitura da Capital multou cinco donos de cães por maus tratos, criá-los soltos em vias públicas ou mantê-los em locais sem condições de higiene. O secretário municipal de Saúde, Jamal Salem, dá prazo de 15 dias para os proprietários se manifestarem e pode aplicar multa de até R$ 15 mil.

Uma das multas mais polêmicas é contra um morador do Conjunto União, Cleber Gonçalves, que se recusa a entregar o cachorro contaminado pela Leishmaniose. Segundo o edital de notificação, publicado na edição de hoje do Diário Oficial de Campo Grande, dois exames deram resultado positivo.

O dono do cão tem 15 dias para se manifestar administrativamente e evitar a aplicação da multa, que varia de R$ 100 a R$ 15 mil.

Dois donos de cachorros foram notificados por manter os animais soltos em vias públicas, como é o caso de Pablo Alves Nogueira, no Jardim Presidente, e Emília Parra, no Bairro Taquaral Bosque.

Dois casos são de moradores que mantêm um cão e galinhas, mas sem seguir as condições de higiene e o mau cheiro incomoda os vizinhos.

O sexto caso é de maus tratos de animais. O dono, no Conjunto Universitário, é acusado de criar o cachorro em espaço insuficiente para circulação e sem levá-lo para tratamento médico. Em todos os casos, a multa pode chegar a R$ 15 mil.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions