A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

26/10/2017 22:47

Secretário de Saúde promete Hospital do Trauma funcionando em dezembro

Nyelder Rodrigues
Hospital do Trauma deve ser concluído até o fim deste ano. (Foto: André Bittar/Arquivo)Hospital do Trauma deve ser concluído até o fim deste ano. (Foto: André Bittar/Arquivo)

Há 20 anos aguardado pela população de Campo Grande, o Hospital do Trauma, que está sendo construído ao lado do prédio da Santa Casa, deve estar operando já a partir de dezembro, conforme revela o secretário estadual de Saúde, Nelson Tavares. A obra faz parte do programa Obra Inacabada Zero, do Governo do Estado.

A construção está em fase final de acabamento e o Governo do Estado vai investir R$ 12 milhões na compra dos equipamentos, em parceria com a ABCG (Associação Beneficente de Campo Grande), entidade que vai administrar o hospital – atualmente, a ABCG já administra a Santa Casa, que receberá o Hospital do Trauma como anexo.

"Nossa meta é que a inauguração seja realizada com a unidade já funcionando. Pelo cronograma de engenharia, a parte física deve ser concluída em dezembro e se não tiver nenhum imprevisto, vamos tornar o hospital uma realidade", diz Tavares, em texto publicado pela assessoria do Governo nesta quinta-feira (26).

Pare terminar a obra, que já tinha o "esqueleto" montado, foram investidos R$ 8,4 milhões em recursos - R$ 3,2 milhões da prefeitura, R$ 2,5 milhões do Ministério da Saúde, R$ 1,6 milhão do Governo do Estado e R$ 890 mil da ABCG.

A estrutura oferecida será de 126 novos leitos, sendo 98 de internação, 10 de UTI (Unidade Terapia Intensiva), 18 de observação e cinco salas de cirurgias. Nos 6,3 mil m² de área construída, vão funcionar o setor de ortopedia e politraumatismo, com 130 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTIs.

Além disso, haverá dois leitos de isolamento, 18 leitos de observação, cinco salas cirúrgicas, salas de Raio-X, tomografia e ultrassonografia no loca. A previsão é que a nova unidade urgência e emergência do Estado realize anualmente 10 mil internações, 9 mil cirurgias, 500 internações e 10 mil consultas.

Lançado na década de 90, o projeto da obra já passou por várias alterações. A princípio a unidade iria abrigar uma maternidade e, depois, mudou para uma extensão da Santa Casa, até que em 2005 houve alteração para um hospital especializado em traumatologia - o único em Mato Grosso do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions