A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

23/01/2013 13:51

Simone garante apoio a Bernal para combate a dengue e despejo de sem-teto

Mariana Lopes
Prefeito Alcides Bernal foi na manhã de hoje na Governadoria pedir apoio no combate à denguePrefeito Alcides Bernal foi na manhã de hoje na Governadoria pedir apoio no combate à dengue

Depois de receber o prefeito Alcides Bernal (PP) no gabinete da Governadoria, na manhã de hoje, a governadora em exercício, Simone Tebet (PMDB), garantiu o apoio do Estado no combate à dengue em Campo Grande. Outro pedido do prefeito ao Governo do Estado foi o apoio da Segurança Pública para poder cumprir os mandados de reintegração de posse nas áreas públicas que foram invadidas em Campo Grande, que são quatro. Sobre este pedido, Simone também garantiu o apoio ao executivo

 “Nos preocupamos com a epidemia, sabemos que atinge toda a população e que isso é responsabilidade de todos nós”, pontuou Simone sobre o combate à doença. Ela afirmou que as secretárias de Saúde, tanto do Município quanto do Estado, trabalham em conjunto e estão bem entrosadas.

A governadora em exercício também confirmou que o Estado dará todo o suporto que a Prefeitura precisar. “Todos os equipamentos estão sendo disponibilizados para ajudar, como o fumacê, maquinário, tudo o que for preciso o nosso secretário vai oferecer”, garantiu.

A Prefeitura de Campo Grande decretou na segunda-feira (21) estado de emergência na Capital, com 9,3 mil notificações de dengue até o último domingo (20). A Secretaria de Estado de Saúde investiga três mortes causadas pela dengue. Nesta terça-feira, mais uma pessoa morreu com suspeita da doença. O universitário William Carpejani Júnior, 27 anos, pode ser o quarto caso de morte na Capital.

O segundo pedido de Bernal foi em relação à Segurança Pública no combate à dengue. “Há casos de terrenos que são limpos várias vezes e o proprietário devolve o lixo novamente, nestes casos, vamos colocar a Polícia Militar à disposição da secretária para poder cumprir qualquer determinação que vier da Prefeitura”, explicou Simone.

Invasão – Ao confirmar o apoio para as reintegrações de posse, o outro pedido feito pelo prefeito, a governadora disse que “Campo Grande é uma cidade linda, que não precisa de favela”. Segundo ela, a meta para 2013, tanto do Governo quanto da Prefeitura, é de construir mais casas populares.

Simone afirmou que o Estado colocará à disposição o efetivo das polícias Civil e Militar para fazer a reintegração de posso, junto com a liminar em mãos.

De acordo com a governadora em exercício, a determinação judicial já pode ser cumprida a partir de hoje, mas ela também afirmou que isso será feito nos próximos dias, “com calma e tranquilidade”.

Segundo Bernal, a Prefeitura já conseguiu, na Justiça, liminares para retirar as pessoas dos locais para o bairro Taquarussu e para a região do lixão, no Dom Antônio, e também está saindo para a região das Hortências, conforme declaração do prefeito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions