A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018

18/09/2015 16:24

Solurb encerra greve após 11 dias e retoma coleta do lixo nesta sexta

Edivaldo Bitencourt
Lixo se acumula em ruas da Capital após 11 dias de greve na coleta (Foto: Gerson Walber)Lixo se acumula em ruas da Capital após 11 dias de greve na coleta (Foto: Gerson Walber)

Após 11 dias de greve dos 1.080 trabalhadores, a Solurb retoma a coleta do lixo às 19h de hoje (18) em Campo Grande. Sob suspeita de ter praticado lockout (greve ilegal de empresa), a concessionária anunciou que os trabalhos de coleta serão retomados na noite de hoje.

“Diante do cumprimento da medida judicial imposta à Prefeitura, que é o depósito referente á somatória dos salários dos funcionários, a CG Solurb retomará, hoje, às 19 horas, a coleta de lixo. A empresa continuará com o serviço enquanto os insumos estocados permitirem”, informou a concessionária, em nota à imprensa.

Durante a reunião no Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região, o superintendente da Solurb, Lucas Dolzan, informou que a empresa não tinha dinheiro para combustível e, por isso, manteria a coleta suspensa.

Os funcionários decidiram encerrar a greve porque o prefeito Alcides Bernal (PP) determinou, ontem, o depósito judicial de R$ 1,5 milhão para pagar os salários de agosto. O pagamento estava atrasado desde o 5º dia útil deste mês. Eles também denunciaram que não estavam recebendo a cesta básica e o vale gás.

A Solurb ingressou com ação na Justiça para bloquear R$ 22 milhões da Prefeitura Municipal de Campo Grande. No entanto, o juiz Alexandro Ito, da 2ª Vara de Fazenda Pública, negou o pedido de liminar porque o município está com problemas nas finanças.

De manhã, o juiz da 1ª Vara de Direitos Coletivos, Difusos e Individuais Homogêneos, Marcelo Ivo de Oliveira, concedeu liminar, a pedido do MPE (Ministério Público Estadual), para que a empresa retome a coleta em 24 horas sob pena de multa diária de R$ 100 mil.

Outras três liminares também determinavam a coleta.

Na tarde de hoje, o procurador do Trabalho, Hiran Meneguelli Filho, foi à concessionária para vistoriar os caminhões. Ele suspeita que a Solurb tenha praticado lockout, que é greve feita pela empresa - medida ilegal e inconstitucional. O procurador verificou se os caminhões estavam funcionando. 

 

Caminhões estavam parados e vão voltar a ativa hoje (Foto: Fernando Antunes)Caminhões estavam parados e vão voltar a ativa hoje (Foto: Fernando Antunes)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions