A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

30/08/2019 16:38

UBSF do Zé Pereira é inaugurada, com expectativa de 8 mil atendimentos mensais

A obra ficou parada durante sete anos, mas foi retomada no ano passado e custou pouco mais de R$ 1,5 milhão

Maressa Mendonça e Liniker Ribeiro
Obras na unidade ficaram paradas durante sete anos (Foto: Liniker Ribeiro)Obras na unidade ficaram paradas durante sete anos (Foto: Liniker Ribeiro)

Após sete anos de espera, os moradores do bairro Zé Pereira finalmente poderão utilizar dos serviços e da estrutura da UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) Doutor Jurandyr de Castro Coimbra, localizada na Avenida Engenheiro Amélio de Carvalho Baís.

Trata-se de uma construção antiga que estava parada desde 2012. As obras foram retomadas no ano passado e a inauguração ocorreu nesta sexta-feira (30). O bairro já contava com uma unidade de saúde, porém o prédio era menor. Por esse motivo, os moradores estão esperançosos que o número de médicos e de atendimentos também aumente.

A cuidadora de idosos Valquiria Fabíola Benites, de 28 anos, é uma das pessoas que comemorou a inauguração. Mãe de três filhos, sendo o mais novo de apenas quatro meses, ela lembrou da dificuldade para conseguir médico. “Tinha que ir para outros bairros da cidade, mas agora está tudo perto”.

Para Valquíria, a unidade vai facilitar a vida da população e a expectativa é sobre a atuação de pediatras na unidade.

Opinião semelhante foi dada pela aposentada Aparecida Bernardes, de 54 anos. Para ela,
essa entrega veio em boa hora. “Estávamos precisando, mas agora vamos ver se vai ter médico porque não adianta apenas aumentar o espaço”, declarou.

Aparecida acredita também que uma inauguração desse tipo possa atrair farmácias e outros estabelecimentos para a região, “fica melhor para os moradores”.

O secretário municipal de Saúde, José Mauro Castro Filho, tranquilizou a população sobre esse temor relacionado a possível falta de médicos. Segundo ele, três equipes completas, com médicos, dentistas agentes de saúde, vão atuar. A partir de segunda-feira (2), a unidade já vai estar funcionando.

Ao todo, foram investidos R$ 1,5 milhão na UBSF, sendo R$ 400 mil do Ministério da Saúde e R$ 1,1 milhão em investimento da Prefeitura. Desse total, R$ 800 mil foram para o término da obra e R$ 500 mil para o mobiliário.

José Mauro reforçou a necessidade de se investir em saúde básica para diminuir a demanda nas ruas. Ele pontua que o trabalho realizado nessas unidades previne doenças como infarto, derrame e diabetes e reduz as cirurgias cardíacas e internações no CTI.

A expectativa é que 8 mil atendimentos sejam realizados por mês beneficiando 3 mil famílias da região.

O prefeito de Marquinhos Trad (PSD) comentou sobre o esforço feito pelo Executivo em melhorar as unidades básicas de saúde. “Eu sempre disse que se você fortalecer os postos e clínicas da família, você desafoga as UPAs e é isso que estamos fazendo, batalhando para a saúde básica”, finalizou.

Diferente das Unidades Básicas de Saúde e de Saúde da Família, as UPAs atendem apenas casos de urgência e emergência. O problema é que muitos pacientes acabam indo para estas unidades quando não conseguem atendimento das unidades básicas, causando uma superlotação.

Prefeito Marcos Trad (PSD) durante a inauguração da UBSF (Foto: Liniker Ribeiro)Prefeito Marcos Trad (PSD) durante a inauguração da UBSF (Foto: Liniker Ribeiro)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions