A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

22/12/2014 14:43

Vendaval derruba estrutura e empresa tem prejuízo de R$ 30 mil

Edivaldo Bitencourt e Ricardo Campos Jr.
Estrutura de loja de motos ficou destruída por conta do temporal (Foto: Ricardo Campos Jr.)Estrutura de loja de motos ficou destruída por conta do temporal (Foto: Ricardo Campos Jr.)

O vendaval, que teve rajadas de até 60,4 quilômetros por hora, causou estragos em diversos bairros de Campo Grande. No Bairro Guanandi, a estrutura metálica de uma revendedora de motocicletas desabou, danificou cinco veículos e causou prejuízos de aproximadamente R$ 30 mil.

Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), as rajadas de vento atingiram 60,4 km/h na manhã de hoje, quando houve o incidente na Remotos, localizada na esquina das avenidas Manoel da Costa Lima e Marechal Deodoro.

“Foi bem rápido, nem deu tempo para assustar”, contou o vendedor Marcos Silva, 37 anos, que estava no momento do temporal na loja. Além da estrutura metálica, houve queda de tijolos e parte do forro de PVC.

A varanda caiu sobre quatro motos novas e uma usada da marca Yamaha. Funcionários colocaram pedaços de pau para segurar a estrutura e retirar os veículos.

O vento também arrancou o tapume metálico em uma obra na Avenida Ernesto Geisel, na Vila Sargento Amaral, região central da Capital.

Chuva – Desde o início da manhã, chove forte em algumas regiões de Campo Grande, mas sem estragos. A maior quantidade de água, 38mm, caiu no Bairro Santo Antônio, que já registrou alagamentos neste mês.

Na região do Jardim Seminário e dos bairros Marcos Roberto e Taquarussu, segundo a Defesa Civil, choveu 35mm. Nas Moreninhas, a chuva soma 22mm e na região do Córrego Prosa, 27mm.

Havia cinco motos embaixo da estrutura, que ficaram danificadas. (Foto: Ricardo Campos Jr.)Havia cinco motos embaixo da estrutura, que ficaram danificadas. (Foto: Ricardo Campos Jr.)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions