A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

05/05/2017 17:33

Caravana da Saúde dará óculos e aparelhos auditivos para crianças

A ação também terá como foco os atendimentos a saúde da mulher

Lucas Junot
Em 11 edições a Caravana da Saúde realizou
mais de 50 mil cirurgias no Estado (Foto: Divulgação)Em 11 edições a Caravana da Saúde realizou mais de 50 mil cirurgias no Estado (Foto: Divulgação)

A Caravana da Saúde em 2017 mudará o foco e a atuação em Mato Grosso do Sul. O secretário estadual de Saúde, Nelson Tavares, revelou nesta sexta-feira (5) que o projeto este ano percorrerá as escolas com especialistas em oftalmologia e aparelhos auditivos, atendendo 220 mil crianças.

“Crianças do quarto ao sétimo, durante o atendimento da Caravana, receberam óculos e aparelhos auditivos na hora, caso seja constatada a necessidade”, explicou Tavares.

Além disso, a ação também pretende zerar em dois anos os diagnósticos de câncer de mama e colo de útero no Estado. “Vamos trazer pro Estado o mesmo esquema do Hospital do Câncer de Barretos. Queremos em dois anos não ter mais novos diagnósticos da doença. Vamos mapear todo o Estado, diagnosticar e iniciar o tratamento imediatamente”, disse o secretário.

Em 11 edições, a Caravana da Saúde realizou 50 mil cirurgias, destas 35 mil foram oftalmológicas, 850 mil procedimentos, 100 mil consultas, 34 mil exames e 240 mil visitantes, com investimentos superiores a R$ 75 milhões.

A segunda etapa da Caravana da Saúde vai começar por Campo Grande, foi o que garantiu o governado do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB). Na primeira etapa, o foco da Caravana foram os atendimentos oftalmológicos e nesta etapa a previsão é que a ação foque nos atendimentos a saúda da mulher.

De acordo com a SES (Secretaria do Estado de Saúde) a previsão é que nesta etapa sejam priorizados os atendimentos oncológicos, como mamografia, e vasculares, como tratamento de varizes. Os serviços oftalmológicos serão ampliados com a assistência oftalmológica infantil.

O Governo do Estado anunciou em outubro que o foco principal será a reestruturação nas unidades de saúde já existentes, com aquisição de novos equipamentos, mas o atendimento especial às mulheres e a realização de cirurgias eletivas também estão no programa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions