A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Março de 2019

29/06/2018 20:36

Carreta da Justiça conclui atendimentos e volta para estrada no final de julho

Adriano Fernandes
Em Figueirão, foram 48 emissões do serviço prestado em parceria com a Polícia Civil e com o Instituto de Identificação. (Foto: Divulgação) Em Figueirão, foram 48 emissões do serviço prestado em parceria com a Polícia Civil e com o Instituto de Identificação. (Foto: Divulgação)

Depois de cinco dias de atendimentos a Carreta da Justiça se despediu das cidades de Figueirão e Alcinópolis, cidades distantes 226 e 402 quilômetros, respectivamente, da Capital. Concluídos os trabalhos nestes primeiros seis meses do ano, agora, a iniciativa entra em recesso e retorna só no final de julho.

Durante esta semana pelos municípios, foram realizados 20 casamentos, dois pedidos de alimentos, três divórcios e até dois reconhecimentos de paternidade e DNA. Também foram abertas 39 ações, 10 pedidos de cobranças diversas e 13 atendimentos da Defensoria Pública. Chamou atenção os atendimentos para emissão de RGs.

Em Figueirão, foram 48 emissões do serviço prestado em parceria com a Polícia Civil e com o Instituto de Identificação. A Carreta faz parte do programa Judiciário em Movimento e tem jurisdição em todo o Estado e competência para apreciar e julgar todas as ações de natureza cível, criminal e juizados especiais distribuídas durante suas jornadas, assim como atuar em mutirões processuais, inclusive em processos do Tribunal do Júri.

Calendário – A unidade móvel do Tribunal de Justiça reiniciará seus atendimentos entre os dias 30 até 03 de agosto, na comarca de Santa Rita do Pardo, na Região Leste do Estado, onde.
Depois será a vez de Selvíria (06/08 a 10/08), Taquarussu (20/08 a 24/08), Novo Horizonte do Sul (27/08 a 31/08), Japorã (17/09 a 21/09), Juti (24/09 a 28/09), Douradina (15/09 a 19/10), Laguna Caarapã (12/10 a 16/10), Vicentina (19/11 a 23/11) e no encerramento dos atendimentos em 2018, a Carreta da Justiça estará em Jateí (26/11 a 30/11).

Força Nacional é mantida em Mato Grosso do Sul por mais 90 dias
Agentes da Força Nacional de Segurança Pública que estão em Mato Grosso do Sul desde junho de 2016 vão continuar na região por, pelo menos, mais 90 d...
Enquete mostra que 84% das pessoas conhecem alguma vítima de violência doméstica
A maioria dos participantes da enquete desta semana conhece alguma pessoa que tenha sido vítima de violência doméstica. O assunto foi abordado em dec...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions