A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

25/12/2015 17:01

Chuva alaga vários pontos na cidade e córrego Segredo volta a transbordar

Priscilla Peres, Michel Faustino e Antônio Marques
Até veículos maiores tiveram dificuldade para passar pelas ruas alagadas. (Foto: Gerson Walber)Até veículos maiores tiveram dificuldade para passar pelas ruas alagadas. (Foto: Gerson Walber)
Rotatória das avenidas Rachid Neder e Ernesto Geisel voltou a fica alagada. (Foto: Direto das Ruas) Rotatória das avenidas Rachid Neder e Ernesto Geisel voltou a fica alagada. (Foto: Direto das Ruas)
Várias ruas estão alagadas pelas fortes chuvas desta tarde. (Foto: Gerson Walber)Várias ruas estão alagadas pelas fortes chuvas desta tarde. (Foto: Gerson Walber)

O córrego Segredo voltou a transbordar e alagar a avenida Rachid Neder na rotatória com a avenida Ernesto Geisel, em Campo Grande. Chove forte há cerca de meia hora em vários pontos da cidade.

Leitores do Campo Grande News estão enviando fotos de vários pontos da cidade alagados. Na região do bairro São Francisco, o córrego Secredo transbordou após 20 minutos de chuva forte, segundo o piloto Fernando Barreto.

Fernando mora em um prédio na avenida Rachid Neder e contou que na sua região está chovendo há quase uma hora e nenhum carro mais consegue passar pelo local. "Está tudo parado. Na Euler de Azevedo, Rachid Neder e Ernesto Geisel", disse.

Ainda na Rachid Neder, um ônibus que seguia pela avenida precisou parar devido ao acúmulo de água das chuvas.

Leitores também informaram de pontos de alagamento na rua dos Ferroviários, atrás da Feira Central e no Jardim Batistão. Conforme o sistema de monitoramento da Defesa Civil Municipal, a maior incidência de chuva é na região do Cabreúva, onde foi registrado volume de 30 milímetros em um período de 30 minutos. Nas demais regiões, o volume não passa dos 5 milímetros.

A Defesa Civil informou que até o momento não há registros de ocorrências consideráveis de alagamentos e ou outras incidências em decorrência das chuvas. Há pontos, considerados problemáticos, sendo monitorados como a região das Moreninhas e próximo aos córregos Prosa, Segredo e rio Anhanduí.

Na Rua Paquistão, no Jardim Batistão, a enxurrada invadiu a casa do gerente de produção Valtemir José dos Santos, de 28 anos. Ele relata que é um problema antigo no bairro que na época asfaltaram a Avenida Dinamarca e a Rua Pará e deixaram as travessas sem pavimento. Com as chuvas, toda a água desce direto para estas vias e invade as casas dos moradores.

No cruzamento da Avenida Mato Grosso com a Ernesto Geisel região do Cabreúva o córrego transbordou e a água tomou conta de toda a via. As pessoas estão desviando e não conseguem atravessar. A força da água arrastou árvores e placas de sinalização.

O Corpo de Bombeiros informou que até o momento não foi acionado para estragos na cidade.

No dia 8 de dezembro, o prefeito Alcides Bernal (PP) decretou situação de emergência devido aos estragos da chuva causados no fim de novembro e início de dezembro. Na época, os estragos somaram R$ 20 milhões de prejuízo para a prefeitura. Hoje, o prefeito disse ao Campo Grande News que irá à Brasília na próxima semana, para homologar o decreto de emergência.

Córrego Segredo voltou a transbordar nesta tarde. (Foto: Gerson Walber)Córrego Segredo voltou a transbordar nesta tarde. (Foto: Gerson Walber)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions