A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2018

26/11/2008 14:23

Chuva rompe previsão de estiagem e ar seco na Capital

Redação

Ao contrário das previsões do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), a chuva chegou a Campo Grande, quebrando uma expectativa de estiagem e baixa umidade relativa do ar.

Segundo o meteorologista Natálio Abraão, da Anhnaguera/Uniderp, a altas temperaturas dos últimos dias são responsáveis pela forte chuva que cai agora na Capital.

Apesar de raios e trovões serem comuns no final da Primavera e início do Verão, a tempestade surpreende, com rajadas de vento de 45 quilômetros por hora e 15 mm de precipitação. A última chuva foi na quarta-feira passada,

A umidade relativa do ar atinge os 52%, índice bem mais alto que os 30% esperados para está quarta-feira.

Para quinta, sexta e sábado, a previsão continua de céu apenas parcialmente nublado, sem chuva, com temperatura de até 35ºC.

Prejuízo - O forte vento que veio com a chuva na tarde de hoje causou prejuízos para alguns moradores da rua dos Barbosas, na região central de Campo Grande. Em frente a casa do protético, Edemir César Argulho, de 32 anos, um grande galho de árvore se quebrou, levando junto a fiação dos postes e quebrando o padrão de energia da casa, na região central.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions