A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/11/2009 16:33

Chuvas ultrapassam média e surpreendem meteorologista

Redação

Com as chuvas de hoje, o volume de água que caiu em Campo Grande ultrapassou a média histórica de novembro, que é de 164 milímetros, chegando a 212 ml até agora, conforme o meteorologista Natálio Abrão.

A meteorologia já esperava que a média fosse superada, mas previa 180 ml de chuva acumulada até o fim mês.

Somente nesta sexta-feira, foram 56 milímetros de chuva, 25 caíram até às 13 horas. O meteorologista prevê que a chuva de hoje ainda deve durar uma hora e meia e que amanhã voltará a chover em Campo Grande.

Bombeiros e Defesa Civil não registraram nenhuma ocorrência por conta da chuva, mas o chefe de divisão de apoio às ações da Defesa Civil Municipal, Sebastião Otávio Rayol, informou que eles estão em alerta sobre a possibilidade de alagamento nos bairros Panorama, Noroeste e Nova Serrano, onde já aconteceram inundações nesta semana.

Na quarta-feira, tempestade destelhou casa no Noroeste, abriu crateras em ruas do Maria Aparecida Pedrossian e rompeu tubulação de água deixando a região da Chacará dos Poderes desabastecida.

Hoje, na rua Minerva, local da feira do Maria Aparecida Pedrossian, a lama desceu e a rua virou rio quando a tempestade chegou. Ari Pacheco, de 59 diz que não aguenta mais o problema. "Com a lama, ninguém vem comprar nada."

Calor - Depois de dias de temperatura bastante elevada, amanhã a previsão é de máxima de 30º em Campo Grande, e mínima de 20º na madrugada. Já no Pantanal, o calor deve chegar aos 37º, com sensação térmica de 40º.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions