A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

05/11/2013 07:26

Com início da piracema, pesca está proibida nos rios de MS

Aliny Mary Dias

A proibição de pesca nos rios de Mato Grosso do Sul começou a valer na meia noite desta terça-feira (5). O período de piracema deste ano vai até o dia 28 de fevereiro do ano que vem.

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental), na Bacia do Rio Paraguai será permitida a pesca de subsistência para o morador ribeirinho, que pode capturar peixe de até 3 kg, ou um exemplar, não podendo comercializar de forma alguma.

Assim como ocorreu nos anos anteriores, o efetivo da PMA será de 329 policiais, lotados em 25 unidades em 18 municípios. O esquema especial já começa com a manutenção dos policiais que estão desde o dia 25 de outubro trabalhando na operação pré-piracema.

A polícia montará Postos Avançados nas principais cachoeiras e corredeiras nos rios do Estado para monitorar os cardumes. Para fins de subsistência é permitida uma cota diária de três quilos ou um exemplar, de qualquer peso, respeitando os tamanhos mínimos de captura estabelecidos.

A pesca durante a oiracema é considerada crime, dando de um a três anos de prisão, sendo acusada de pesca predatória e prevê multa de R$ 700 a R$ 100 mil e mais R$ 20 por quilo de pescado. Caso a pessoa não seja reincidente, há fiança, mas toda a pesca e material fica apreendido.

No período da piracema do ano passado, mais de 70 pessoas foram detidas por pesca ilegal, segundo a PMA.

Permissão - Nos lagos das Usinas do Rio Paraná é permitida a pesca de 10 kg de pescado mais um exemplar de peixes não nativos da bacia e exóticos como Tucunaré, Curvina, Porquinho, Tilápia etc. Para o pescador profissional não há limite de cota para a captura das mesmas espécies, porém, só é permitido o uso de molinetes, linhadas, caniços simples e carretilhas.

Último sorteio da Mega-Sena na semana pode pagar até R$ 22 milhões
O sorteio deste sábado (22) da Mega-Sena pode pagar até R$ 22 milhões para um ou mais acertadores que marcarem a seis dezenas premiadas do prêmio.  E...
MEC quer programa para ocupar vagas ociosas em universidades públicas
O Ministério da Educação (MEC) estuda criar ainda este ano uma nova modalidade do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), chamada Sisu Transferência, vo...


3 dias antes de encerrar a pesca passei na ponte do rio cachoeirao tinha varios pescadores com peixes fora da medida permitida pela legislaçao principalmente curimba .gostaria que a pma fiscalizasse muito mais tambem os rios menores e prendessem esses pescadores sem consciencia eles nao respeitam a natureza deveriam ser preso sem fiança so assim para aprender a respeitar a lei; agradeço pma c.grande ms.
 
auro silva em 15/11/2013 09:06:17
O profissional tudo pode, o amador nada, alias queria saber como é que se faz curso
para ser pescador profissional.
 
silvio silverio em 05/11/2013 07:38:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions