A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018

06/09/2010 10:50

Cortes ficarão a cargo de novos secretários em Dourados

Redação

O prefeito interino de Dourados, juiz Eduardo Machado Rocha, se reuniu nesta manhã com as pessoas já indicadas até o momento para as secretarias municipais para definir os cortes de pessoal nas pastas.

Alguns funcionários que ocupam cargos de confiança serão dispensados, mas isso ficará a cargo de cada secretaria.

O critério para demissão será o tipo de serviço que o funcionário desenvolve, ou seja, se exerce função dispensável ou não.

Eduardo Rocha ainda não tem o número de funcionários contratados a serem demitidos, mas já solicitou a relação de servidores lotados em cada pasta e sua respectiva função.

Conforme o prefeito interino, a intenção não é demitir todos, somente aqueles que são totalmente dispensáveis, contratados apenas para atender compromissos políticos.

Até agora, ficou definido que o jornalista Eleandro Passaia, responsável pela denúncia do esquema de corrupção na prefeitura de Dourados, continuará no primeiro escalão como assessor especial.

A secretaria de Receita e Finanças de Dourados será assumida pelo funcionário de carreira da prefeitura, João Azambuja.

O promotor de Justiça Amilcar Araújo Carneiro Júnior foi convidado para assumir a pasta de Planejamento e Obras, mas não aceitou, porque não pode, por lei, acumular as duas funções.

O advogado e delegado aposentado Carlos Alberto Farnesi será o novo chefe de gabinete do prefeito interino.

O médico Mário Eduardo Rocha deve ser mantido na secretaria de Saúde.

Eduardo Machado Rocha assumiu interinamente no sábado o comando da prefeitura, após a prisão do prefeito Ari Artuzi, do vice, Carlinhos Cantor, e do presidente da Câmara, Sidlei Alves. Com informações do DouradosNews.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions