A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018

21/02/2008 08:06

Deficiente morre após passar quase dois dias em fossa

Redação

Um homem foi resgatado no último domingo em Ponta Porã, a 334 quilômetros de Campo Grande, após passar quase dois dias dentro de uma fossa cheia de dejetos. Conforme informações do Corpo de Bombeiros, o resgate foi feito às 6 horas de domingo e às 11 horas ele morreu no hospital regional da cidade. 

Hélio Villa, de 34 anos, que tem problemas mentais, estava desaparecido há três dias, e segundo havia informado a PM poderia estar dentro da fossa, que fica em um terreno baldio. Isso porque populares que passaram pelo local escutaram gemidos.

Os bombeiros encontraram a vítima quase totalmente submersa em dejetos e já com dificuldade para respirar. O poço tem aproximadamente cinco metros de profundidade. Além de fezes há animais mortos dentro da fossa aberta. Ao ser retirado, Hélio estava desorientado e com sinais de hipotermia. Pelo estado do corpo dele, os bombeiros acreditam que ele estava há quase dois dias dentro do poço.

IFMS divulga resultado da seleção para cursos técnicos integrados
O IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou o resultado preliminar do Exame de Seleção 2019, do processo seletivo para ingresso nos cur...
Com metade das vagas preenchidas, prazo para apresentação termina terça
Termina nesta terça-feira (18) o prazo para os médicos se apresentaram para preencher as vagas deixadas pelos cubanos do programa Mais Médicos em Mat...
UFMS abre prazo para renovação dos auxílios estudantis nesta segunda
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) abre nesta segunda-feira (17) o prazo para renovação dos auxílios estudantis, como creche, moradi...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions