A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

27/04/2009 13:46

Empregados de bares e hotéis conseguem reajuste de 10%

Redação

Os empregados de hotéis, bares, restaurante e similares de Campo Grande conseguiram 10% de reajuste salarial para os vencimentos a partir do dia 1º de maio, data base da categoria.

O benefício deverá incluir 5 mil trabalhadores da Capital, e foi concedido após a negociação dos funcionários com os patrões para a definição da Convenção Coletiva de Trabalho 2009/2010.

Além do aumento de 10%, eles conseguiram elevação do piso salarial de R$ 442,00 para R$ 500,00. A reivindicação era um piso de R$ 550,00 e reajuste de 15% para quem ganha acima desse valor.

Para o presidente do Sintrhorems (Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares) em Campo Grande, Hélio Amâncio Pinto, o reajuste representou um avanço nas negociações da categoria, pois ficou acima da inflação que registrou 6% no acumulado do ano.

Taxa - O sindicato informou também que irá fazer um acordo paralelo com cada um dos estabelecimentos que cobram taxa de serviço dos clientes, para que o valor de 10% seja repassado de forma integral de aos funcionários.

A entidade alega que algumas empresas não repassam o valor da taxa. Por conta disso, alguma delas já teriam, inclusive, sido denunciadas à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego.

De acordo com o presidente do Sintrhorems, existe uma lei que regulamente essa cobrança e determina que 80% da taxa de serviço seja dividida entre os funcionários e apenas 20% fique com a empresa. Mas, ela ainda tramita no Congresso Nacional.

Enquanto não fica definida a legislação sobre o assunto, o sindicato informou que deverá negociar de forma particular com as empresas.

Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions