ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 20º

Empregos

De farmacêutico a confeiteiro, Funsat oferece hoje 220 vagas de emprego

As vagas exigem níveis diversos de escolaridade e podem ser preenchidas a qualquer momento

Por Viviane Oliveira | 18/09/2019 12:20
Quem tiver desemprego, pode tentar uma das vagas oferecidas nesta quarta-feira (Foto: divulgação/Funsat)
Quem tiver desemprego, pode tentar uma das vagas oferecidas nesta quarta-feira (Foto: divulgação/Funsat)

A Funsat (Fundação Social do Trabalho) oferece 223 vagas de emprego para Campo Grande. Também há oportunidades para estágios e candidatos com deficiência. As vagas exigem níveis diversos de escolaridade e podem ser preenchidas a qualquer momento, sem aviso prévio. A agência de emprego fica na Rua 14 de Julho, nº 992, na Vila Gloria. 

As vagas são para alinhador de rodas, analista de desenvolvimento de sistemas, arte-finalista, atendente de vendas, atendente de balconista, atendente de balcão, atendente de lanchonete, atendente de padaria, atendente do setor de frios e laticínios, auxiliar de contabilidade, auxiliar de cozinha, auxiliar de limpeza, auxiliar de manutenção predial, auxiliar mecânico, auxiliar de pessoal, auxiliar de pizzaiolo, advogado, empregado doméstico nos serviços gerais, empregado doméstico faxineiro, engenheiro civil, engenheiro elétrico, esteticista, farmacêutico, faxineiro no serviço doméstico, fiscal nos transportes, fisioterapeuta geral, instalador de sistemas eletroeletrônicos de segurança, marceneiro  e mecânico de auto em geral. 

Para candidatos com deficiência as vagas são para advogado, ajudante de carga e descarga de mercadoria, assistente administrativo, atendente de lanchonete, auxiliar administrativo, auxiliar de almoxarifado, auxiliar de cobrança, auxiliar de costureira, auxiliar de limpeza, conferente de mercadoria, lavador de ônibus, operador de caixa, operador de vendas, recepcionista atendente, técnico em segurança do trabalho e vigilante. Veja aqui todas as vagas oferecidas hoje. 

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário