A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Junho de 2017

16/03/2015 10:45

Governo vai convocar 122 remanescentes do concurso da PM

Aline dos Santos e Leonardo Rocha
Azambuja participou de formatura de cabos nesta segunda-feira. (Foto: Marcelo Calazans)Azambuja participou de formatura de cabos nesta segunda-feira. (Foto: Marcelo Calazans)

O governo do Estado vai convocar até o fim de março 122 remanescentes do concurso da PM (Polícia Militar). O anúncio foi feito nesta segunda-feira pelo comandante da corporação, coronel Deusdete de Oliveira. Segundo ele, a autorização foi dada pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e a formação desses aprovados começa entre o meses de maio e junho. Os 122 passaram por todas as etapas do concurso.

Hoje, o comandante da PM participou, no Cefap (Centro de Formação), em Campo Grande, da formatura de 139 cabos. O grupo passou por seis meses de capacitação, incluindo 18 disciplinas. Metade dos formandos participou de processo seletivo interno e os demais por tempo de serviço. Eles serão mantidos nos municípios onde já atuavam.

Reinaldo aproveitou para assinar decreto para a abertura de 119 vagas para sargento, em processo seletivo interno, na turma de 2015, usando o critério de tempo de serviço.

Na ocasião, Reinaldo Azambuja afirmou que segurança, a pedido da população, é uma das prioridades da administração. “Meu mandato termina daqui quatro anos, mas o trabalho de vocês é para a vida toda”, disse.

Conforme o governador, o objetivo é que a segurança pública tenha ações consistentes e duradouras, que possam ficar de base para a Polícia Militar. As metas são aumentar a qualificação, compra de equipamentos e investimentos em serviço de inteligência para combater o crime organizado. “ Também vamos despolitizar as forças de segurança, com promoção por merecimento”, afirmou Azambuja.

Ainda integra a lista de medidas o programa de diárias remunerada, que prevê pagamento de extra para o policial que trabalhar na folga. O projeto não tem data para começar. O déficit chega a seis mil policiais militares no Estado.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions