A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 25 de Março de 2017

10/02/2014 09:35

Secretaria de Educação seleciona educadores para projeto Brasil Alfabetizado

Leonardo Rocha

A Secretaria Estadual de Educação irá selecionar educadores para participar do Programa “Brasil Alfabetizado” que terá atuação em 64 municípios do Estado. Estes selecionados irão trabalhar durante oito meses, em uma carga horária de 10 horas semanais.

A seleção será por meio de análise de currículo, os interessados devem fazer a inscrição durante o período de 10 a 19 fevereiro. A Secretaria (Educação) irá contratar alfabetizadores, coordenadores de turmas e tradutores intérpretes de libras.

Os interessados devem acessar o endereço: http://www.sed.ms.gov.br, fazer sua inscrição e entregar via correio ou pessoalmente na coordenação da SED (Secretaria Estadual de Educação).

Cargos – Para a função de alfabetizador é necessário ter ensino médio completo, comprovar experiência com educação e ser de preferência da rede pública de ensino. O auxílio financeiro será de R$ 400,00 por turma, sendo que caso fique com duas (turmas) o valor será de R$ 600,00.

Quem for exercer o cargo de coordenador de turmas também deve ser de preferência da rede pública, ensino superior em educação e experiência na área. O auxílio (financeiro) será de R$ 600,00.

Já os tradutores, intérpretes de libras precisam ter no mínimo ensino médio, experiência em educação, graduação em letras/libras ou certificado de curso nesta área. Assim como os “alfabetizadores”, a remuneração será de R$ 400,00 para uma turma e R$ 600,00 se acumular mais uma.

Ministério Público está com inscrições abertas para 244 vagas de estágio
O MPE (Ministério Público do Estado) está com inscrições abertas para 244 vagas de estágio. O prazo de inscrição termina em 8 de maio. A prova escrit...
UEMS abre concurso público para 57 vagas com salário até R$ 2.246,88
Tem início nesta quinta-feira, 23, às 17h, e se estenderá até às 17h do dia 24 de abril, o período de inscrições no concurso público que a UEMS (Univ...
Concurso da UEMS oferece 57 vagas para atuação na Capital e interior de MS
Com 57 vagas disponíveis para pessoas com formação nos níveis médio e superior, a UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) inicia às 17 hor...
Funsat oferece vagas para atendente de telemarketing, biomédico e borracheiro
A Funsat (Fundação Social do Trabalho) oferece nesta quinta-feira (23) diversas vagas de emprego em Campo Grande. Também há vagas para pessoas defici...



Infelizmente mais uma vez se constata a falta de consideração e respeito por uma profissão que é responsável pela cidadania de um povo. Que salário é esse !!!!!!!!!!!
 
Laura dos Santos Pires em 14/02/2014 12:12:21
Sei bem como é ser educadora desse programa já alfabetizei muitos.
É mais pelo o prazer de alfabetizar uma pessoa do que pelo o ganho.
Isso por que prometeram que seria diferente o salário... continua a mesma coisa, dá tudo de sim e não receber nada.
Vergonha ...vergonha ... Meu povo brasileiro.
 
antonia iraci da silva em 13/02/2014 14:13:43
SEM PRECONCEITO MAS UMA DOMESTICA GANHA MAS Q O PROFESSOR QUE VERGONHA
 
EUNICE RODRIGUES em 11/02/2014 17:58:01
Esse salário é uma vergonha !
Cada vez mais estão desvalorizando os Educadores desse Brasil. Ainda que se tenha a Graduação, a remuneração é desestimulante a qualquer professor.
 
Mayenne Pereira em 10/02/2014 10:53:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions