A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

09/05/2012 14:18

Senado aprova seguro-desemprego a domésticas sem inscrição no FGTS

Lourenço Melo, da Agência Brasil

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou hoje (9) projeto de lei que garante o pagamento do seguro-desemprego por três meses a empregados domésticos demitidos sem justa causa.

Para ter direito ao benefício, o trabalhador doméstico precisa comprovar vínculo de emprego por, no mínimo, 15 meses ao longo dos últimos dois anos e estar em dia com as contribuições previdenciárias.

O projeto de lei, proposto pela senadora capixaba Ana Rita (PT), não exige dos empregados domésticos a inscrição no Funda de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Atualmente, apenas 6% dos trabalhadores domésticos têm direito ao seguro-desemprego pelo fato de estar inscritos no FGTS.

A relatora do projeto de lei, senadora Lídice da Mata (PSB-BA), opinou que "isso é uma discriminação", pois o objetivo do fundo é formar patrimônio para o trabalhador usar em caso de demissão imotivada, na aposentadoria ou na aquisição da casa própria, e não como garantia de renda.

Se não houver nenhum recurso para votação no plenário do Senado, o texto seguirá para análise da Câmara dos Deputados.

Inscrições em seleção de estagiários do TJ em Naviraí terminam em julho
O TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) está com inscrição aberta para processo seletivo de estagiário de Direito. As vagas são para coma...
Prefeitura publica edital com convocação de candidatos aprovados em concurso
A secretária de Gestão, Maria das Graças Macedo, publicou na edição desta sexta-feira (dia 23) do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) convocaç...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions