A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

19/02/2010 17:17

Empresário alega que propaganda foi mal interpretada

Redação

O proprietário da Casa de Shows Santa Fé, na avenida Brilhante, em Campo Grande, Marcos Derzi, alega que a propaganda feita para o show do Dj Javu, que será realizado no dia 27, foi "mal interpretada".

O material de divulgação do show virou alvo de inquérito instaurado hoje pela Decon (Delegacia do Consumidor), após denúncia de que ele induz ao erro por dar a entender que se trata da banda Djavú e Dj Juninho, que tem feito sucesso em todo o País.

Para o empresário, não há uma banda falsa e nem verdadeira, pois pelo menos 11 grupos têm nome parecido ao Djavú, com pequenas variações. Ele afirma que pelo menos quatro dessas bandas cantam a mesma música, composição de um cantor cearense.

"O público não vai distinguir pelo artista, está atrás da música que é a sensação", pontua Marcos, que prestou depoimento na Decon nesta manhã.

Ele ressalta que não fez nenhum tipo de divulgação enganosa, apenas usou a logomarca da banda cujo contrato foi fechado em janeiro. Nos spots, ele garante que frisou DJ Javu.

Além disso, rebate a acusação de que apenas um DJ irá animar o evento, pois se trata de um DJ mais a banda, assim como a "original". Para o empresário, a denúncia é manobra da concorrência para prejudicar a casa de shows.

A polêmica foi agravada porque no dia 25 de março haverá show com a banda Djavú e o DJ Juninho Portugal no Parque de Exposições Laucídio Coelho.

Segundo nota divulgada pela Polícia Civil, consumidores que adquiriram ingresso para o show da Banda DJ Javu acreditando se tratar da Banda Djavú e DJ Juninho Portugal devem formalizar denúncia no Procon (Coordenadoria de Orientação e Defesa do Consumidor).

A superintendência do Procon informou ainda que irá enviar fiscais ao show que será realizado no dia 27 de fevereiro.

O proprietário da casa de shows argumenta que existem vários "Djavus" e que se a banda contratada por ele não é considerada verdadeira, a que fará ao show na exposição também não. "Se a minha dá confusão, a deles também", alega.

Ele afirma ainda que fará todas as alterações que forem solicitadas pela Polícia no material de divulgação, mas acredita que o público não vai se incomodar com a propaganda feita até o momento. "Estão interpretando mal a nossa publicidade", completa.

Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
Município de Itaporã comemora 64 anos de emancipação neste domingo
Conhecido como Cidade do Peixe, Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, comemora 64 anos de emancipação neste domingo (10). A prefeitura municipal ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions