A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

18/02/2010 20:20

Enchente causa estragos na zona rural de Porto Murtinho

Redação

A forte chuva que caiu na madrugada desta quinta-feira em Porto Murtinho, a 484 quilômetros de Campo Grande, inundou diversas fazendas na zona rural do município e preocupa as autoridades, que estão em estado de alerta.

O volume pluviométrico chegou a 300 milímetros, sendo que o normal para esta época do ano é de 90 a 100 milímetros. Vários córregos, como o Capivara, transbordaram, destruindo pontes e inundando parte da BR 267. As aulas na zona rural também foram suspensas. Até o fim de semana deve ser decretado estado de emergência em Porto Murtinho.

De acordo com o com o coordenador da defesa civil de Porto Murtinho, Fernando Marques, a chuva inundou estradas importantes para o transporte de gado, principal renda da cidade, e também impede o transporte escolar rural, "Como a principal renda do município é a agropecuária, a situação fica inviável", explica.

Como a zona urbana do município é protegida pelo dique não há risco de inundação na cidade e o decreto do estado de emergência se deve pelo impacto ambiental, explica Marques "a área rural ficou bastante afetada, o desastre foi grande do ponto de vista ambiental".

Peculiaridades- Porto Murtinho está situado no Pantanal do Nabileque. A geografia do município é composta pela tradicional planície pantaneira com o contraste dos morros da Serra da Bodoquena. A vulnerabilidade da cidade perante enchentes é agravada pelo solo ser do tipo argiloso, praticamente impermeável. Desta forma as águas da chuva não são absorvidas escorrendo continuamente em direção ao Rio Paraguai.

O dique de contenção com 11km de extensão foi construído em 1982 pela empreiteira Better S/A e circunda a cidade em sua totalidade justamente pelas enchentes acontecerem não pelo lado do rio, mas vindas com as águas da chuva na Serra.

Segundo a agência da Marinha do Brasil de Porto Murtinho, a medição do nível do Rio Paraguai é feita todos os dias por volta das 6 da manhã, e do dia 17/02 para o dia 18/02 o nível do Rio subiu 36 cm, chegando a altura de 4m e 68 cm, estando 1m e 14 cm acima do leito normal. O pluviômetro localizado em frente da agência marcou 45 ml de chuva no dia 16 de fevereiro e 34,8ml no dia 17 de fevereiro, totalizando 80 ml de chuva apenas na cidade.

Carro roubado no Rio de Janeiro é recuperado em estrada rumo ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions