A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

05/02/2010 07:30

Epidemia de dengue faz governo abrir contratações

Redação

A epidemia de dengue que atinge vários municípios de Mato Grosso do Sul fez a Secretaria de Estado de Saúde abrir processo simplificado para contratar agentes e supervisores que atuarão no combate à doença. Os salários vão de R$ 650,00 a R$ 2,5 mil por 40 horas de trabalho semanal.

As inscrições devem ser feitas de 8 a 12 de fevereiro, mediante entrega ou encaminhamento do "curriculum vitae", anexando cópias autenticadas  do RG; CPF;  Título de Eleitor e comprovante de quitação eleitoral; e para cargo de nível superior diploma de Curso de Ensino Superior de Ciências Biológicas ou de

Agronomia  e registro no Conselho Regional na área correspondente a sua graduação.

A documentação precisa ser entregue na Coordenadoria de Controle de Vetores, localizada na Rua Ceará, 1.845, na Vila Célia, em Campo Grande de 8h às 11h e das 14h às 17h.

No caso dos profissionais de nível superior, precisarão participar da elaboração do planejamento das atividades para o combate aos vetores de  dengue, chagas, malária e leishmaniose e capacitar o pessoal.

O salário é de R$ 2,5 mil mensais e o tempo de contratação é de seis meses.  As vagas são para os municípios que enfrentam surtos de dengue: Campo Grande, Corumbá,  Ponta Porã, Coxim e Jardim. Há uma vaga para cada município.

Já os agentes de endemias, que precisam ter ensino médio, vão atuar em campo, usando inseticidas costais, com peso aproximado de 30 quilos. O salário é de R$ 650,00. e há 20 vagas.

Confira aqui o edital na íntegra

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions