A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 14 de Agosto de 2018

26/01/2011 17:37

Estado já tem 1,1 mil casos de dengue em 2011, 57% em Campo Grande

Marta Ferreira
Fumacê começou a passar hoje em 26 bairros com maior incidência de mosquito em Campo Grande. (Foto: João Garrigó)Fumacê começou a passar hoje em 26 bairros com maior incidência de mosquito em Campo Grande. (Foto: João Garrigó)

A Secretaria Estadual de Saúde divulgou nesta tarde o terceiro boletim de 2011 sobre a ocorrência de dengue em em Mato Grosso do Sul, apontando a notificação de 1.133 casos da doença até o dia 22 de janeiro.

O levantamento consindera os registros de 72 municípios, já que seis não informação às notificações, segundo a Secretária.

Capital- O maior volume de casos é de Campo Grande, com 649, 57% do total. Considerando que são 22 dias de acompanhamento, são 29 novos casos por dia em Campo Grande.

O número de registros da doença da Capital começou com 189 na primeira semana do ano, passou para 231 na segunda e na terceira semana foi de 229.

A cidade é uma das 8 que é considerada de risco alto para a ocorrência da doença e enfrenta uma greve dos agentes que são responsáveis pelo controle de epidemiologias. A paralisação já dura 22 dias.

Uma preocupação é com a entrada de um novo tipo do vírus, o 4. Um paciente está sendo monitorado em Campo Grande, após ter vindo do Pará com sintomas dessa versão da dengue.

Hoje, a Prefeitura começou a passar veneno nos 26 bairros de maior incidência do mosquito transmissor da doença.

No computo geral do Estado, foram 412 casos na primeira semana de janeiro, 375 registros na segunda semana e 345 notificações.

Além de Campo Grande, Bonito, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Ponta Porã e Três Lagoas são consideradas cidades com risco para alta incidência de dengue neste Verão.

No ano passado, Mato Grosso do Sul fechou o ano com 82.597 casos de dengue, com 47 mortes, 22 delas em Campo Grande.

Ministério cria portaria e muda notificação de casos graves de dengue em 24h
Estados e municípios devem, a partir desta quarta-feira (26), notificar os casos graves e as mortes suspeitas por dengue em até 24 horas ao Ministéri...
Saúde acompanha caso suspeito de dengue tipo 4 na Capital
A SES (Secretaria Estadual de Saúde) está em alerta para evitar uma epidemia de dengue em 2011 no Mato Grosso do Sul, provocada pelo tipo 4 da doença...
Fumacê volta a 26 bairros com alta infestação de mosquito da dengue
A partir desta quarta-feira, borrifação recomeça na CapitalOs bairros de Campo Grande com maior Índice de Infestação Predial (IIP) do mosquito da den...
Enquete: 57% acham que agentes de saúde têm direito de parar
Já 43,11% são contra a greve porque prejudica a população.Para 56,89% dos 4.776 leitores que responderam a enquete semanal do Campo Grande News, os ...


-Sou morador da cidade de Camapuã-MS, aqui tambem tem, e muito mosquito da dengue. Mais, a minha preocupação é a seguinte: Meus filhos trabalham ai em Campo Grande, são residentes do Bairro Itanhanga Park, Rua Cero Cora nº 07, proximo ao corrego, e lá tem um foco muito grande de mosquito da dengue, pois, atacam a gente o dia inteiro, estou pedindo ajuda a voces que são moradores da Capital, e que sabem a onde recorrer para que a vigilancia sanitaria de uma passada por lá, pois pessoas poderão serem infectadas com o virus da dengue.
Obrigado e SDS.
 
Sisair Corrêa Ferreira em 27/01/2011 09:06:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions