A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Agosto de 2019

16/05/2016 09:22

Exames de habilitação suspensos serão reagendados sem custo, diz Detran

Fernanda Mathias
Servidores cruzaram os braços nesta segunda-feira (Foto: Marcos Ermínio)Servidores cruzaram os braços nesta segunda-feira (Foto: Marcos Ermínio)

Os alunos de Centro de Formação de Condutores (CFCs) que tiveram exames suspensos nesta segunda-feira em função da greve dos servidores do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) poderão reagendar a avaliação sem custo, informa o órgão.

De acordo com o Detran, que inicialmente havia informado que os exames não seriam prejudicados, dos seis examinadores que compareceram ao local nesta manhã de segunda-feira (16), três decidiram aderir à greve e com o contingente reduzido à metade o trabalho ficou prejudicado.

Outro serviço que foi interrompido são as vistorias, feitas por funcionários de carreira. Tanto na sede do órgão, na saída para Rochedo, quanto na agência que funciona no Shopping Bosque dos Ipês.

Os demais serviços, segundo o Detran, ocorrem com capacidade reduzida, com atendimento por funcionários comissionados.

O movimento grevista calcula 80% de adesão em Campo Grande e, no interior, de 70% a 100%. Várias agências estão fechadas, o Detran faz neste momento um levantamento para apontar qual o cenário em todo o Estado.

Ao todo, são 800 servidores de carreira e outros 400 comissionados. Dentre os pleitos da categoria está abono de R$ 250,00 mais 10% de reajuste, além da revisão do plano de cargos e carreiras.

O Detran alega que o governo não está fechado para negociações, já foram ofertados R$ 200,00 de abono mais 6% de reajuste linear. Sobre o PCC, de acordo com o órgão, a definição é que a negociação seja concluída até 2018. O Detran informa, ainda, que no fim do ano passado foi feita revisão no cálculo de produtividade e de outros benefícios.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions