A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

13/02/2016 09:23

Exército reforça convocação para guerra contra o Aedes aegypti em MS

Antonio Marques
Autoridades durante recepção ao ministro dos Esporte, George Hilton, no hotel de trânsito do Exército, na Capital (Foto: Fernando Antunes)Autoridades durante recepção ao ministro dos Esporte, George Hilton, no hotel de trânsito do Exército, na Capital (Foto: Fernando Antunes)

O comandante do CMO (Comando Militar do Oeste), general Paulo Humberto de Oliveira, convocou a população de Campo Grande e do Estado para entrar na guerra contra o mosquito Aedes Aegypti junto com os 11 mil militares que vão atuar na campanha nacional “ZikaZero”, do governo federal, que inicia neste sábado (13) em todo o país.

Durante a recepção nesta manhã ao ministro dos Esporte, George Hilton, no Hotel de Trânsito do Exército, na Avenida Afonso Pena, Paulo Humberto reforço a necessidade de conscientização das pessoas para combater os focos do mosquito. “É hora de todos entrarem na guerra contra o mosquito. Temos que trabalhar unidos para acabar com os focos que estão nas casas”, declarou.

Desde o início da manhã cerca de dois mil militares do Exército e da Aeronáutica estão espalhados pela Capital em ações de combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika. No centro de Campo Grande soldados estavam distribuindo panfletos da campanha ZikaZero com informações para acabar com os focos do aedes Aegypti.

Durante todo o dia, os militares vão visitar as residências na Capital e nos municípios do interior no trabalho de conscientizar as pessoas a manter seus imóveis limpos e sem os criadouros do mosquito. O general alertou para a gravidade da doença provocado pelo vírus zika, que pode atingir bebês antes do nascimento e causar a microcefalia.

Militares do Exército na Praça Ary Coelho na manhã de hoje aguardavam início oficial da campanha ZikaZero na Capital. (Foto: Julia Kaifanny)Militares do Exército na Praça Ary Coelho na manhã de hoje aguardavam início oficial da campanha ZikaZero na Capital. (Foto: Julia Kaifanny)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions