A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

02/05/2017 17:25

Feriado de excessos teve carro a mais de 200km/h e três mortes nas rodovias

Em quatro dias da Operação Dia do Trabalho da Polícia Rodoviária Federal, 3.169 condutores foram multados por excesso de velocidade nas rodovias de MS

Adriano Fernandes
Flagrante feito pelo medidor de velocidade da PRF em um dos trechos de rodovia no Estado. (Foto: Assessoria de Imprensa PRF) Flagrante feito pelo medidor de velocidade da PRF em um dos trechos de rodovia no Estado. (Foto: Assessoria de Imprensa PRF)

Eterna ‘vilã’ nas rodovias, o excesso de velocidade representou o maior número de autuações durante o feriado prolongado no Estado. Em uma das situações um veículo foi flagrado pelo medidores de velocidade da PRF (Polícia Rodoviária Federal) trafegando a 204 km/h. 

Foram 3.169 condutores multados pela infração e um saldo de 30 pessoas feridas em acidentes de acordo com balanço da "Operação Dia do Trabalho" da PRF (Polícia Rodoviária Federal). Três pessoas morreram. 

Entre a última sexta-feira (28) e ontem (01), ocorreram treze acidentes, sendo cinco mais graves – quando ao menos uma pessoa fica gravemente ferida ou morre. Total de 38 condutores foram autuados por dirigirem sobre o efeito de álcool e dentre eles 13 foram presos.

As ultrapassagens proibidas representaram 153 autuações; foram 46 pela falta do uso de cinto de segurança, sendo que em 43 delas eram os passageiros que não estavam usando o equipamento.

Fiscalizações - Nos quatro dias da Operação, foram fiscalizados 4.373 veículos e abordadas 4.469 pessoas, dentre condutores e ocupantes. Os agentes fizeram 1.976 testes de bafômetro.

Na sexta-feira (28), as manifestações contra a reforma previdencial também interditaram alguns trechos com maior fluxo de veículos, no início da noite de sexta (28) e início da manhã de sábado (29).

Em todo o Estado, mais de 3.670 quilômetros de rodovias federais foram fiscalizados pela Polícia Rodoviária Federal, com reforço de efetivo, viaturas, radares e bafômetros. Foram priorizados os trechos com maiores índices de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas da polícia, em cada região.

De acordo com a PRF a falta de atenção tem sido a maior causa de acidentes, agravada pelo consumo de álcool, ultrapassagens proibidas e principalmente o excesso de velocidade.

No vídeo a seguir é possível ver os flagrantes de veículos trafegando muito acima do que é permitido em rodovias.

MEC quer programa para ocupar vagas ociosas em universidades públicas
O Ministério da Educação (MEC) estuda criar ainda este ano uma nova modalidade do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), chamada Sisu Transferência, vo...
Mega-Sena acumula de novo e prêmio para sábado vale R$ 22 milhões
O segundo sorteio da Mega-Sena, desta semana que terão três, mais uma vez, voltou acumular, devido a falta de acertadores no prêmio principal. O sort...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions