A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Junho de 2018

05/02/2009 08:55

Funai reclama de prejuízos com protesto em Dourados

Redação

A Funai demonstra preocupação sobre a permanência de um grupo de índios na entrada da sede do órgão em Dourados. A manifestação impede os trabalhos no local e a distribuição de 45 mil cestas básicas aos indígenas da região.

Outro prejuízo apontado pela Funai é do acompanhamento da preparação do solo para a safrinha nas aldeias do Cone Sul.

Hoje, a Funai reafirmou que a principal reivindicação dos índios envolvidos no protesto não será atendida. A administradora executiva regional não será substituída, e o cargo continuará com a servidora Margarida de Fátima Nicoletti.

A atual administração é considerada exemplar e transparente, com a característica de preservar o "constante diálogo com a maioria das lideranças indígenas, que em parceria com a administradora desenvolvem ações sociais de acordo com a demanda das comunidades nas aldeias da região", justifica a Funai em nota enviada pela assessoria.

"A Administração do Cone Sul atende às etnias Guarani Kaiowá, Guarani

Estados e municípios são os que mais contribuem para sustentar SUS
Entre 2002 e 2015, o governo federal foi a esfera de gestão que mais utilizou recursos do Sistema Único de Saúde (SUS), seguido pela esfera municipal...
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar até R$ 38 milhões no sábado
O prêmio da Mega-Sena acumulou mais uma vez, depois do sorteio desta noite (20) e pode pagar até R$ 38 milhões, na próxima rodada. As sequências sort...
Ações sobre auxílio-moradia voltam ao STF depois de conciliação falhar
Diante da falta de conciliação com representantes de magistrados, a AGU (Advocacia-Geral da União) devolveu ao STF (Supremo Tribunal Federal) process...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions