A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

29/12/2008 22:06

Furto em escola de Coronel Sapucaia é desvendado por PM

Redação

Furto ocorrido na Escola Estadual Eneil Vargas, situada em Coronel Sapucaia (MS), na sexta-feira (26/12) foi desvendado pela PM (Polícia Militar) da cidade, que apreendeu os acusados e recuperou parte do material furtado, que havia sido receptado por dois jovens. O auxiliar de enfermagem Fábio da Silva Vieira, 28 anos e a estudante Vaquiria Santos da Rosa, 20 anos, foram presos na Delegacia de Polícia Civil do município, mas respondem à receptação em liberdade.

Em registro de boletim de ocorrência feito na semana passada pela direção da escola, foi informado de que uma das janelas do pavilhão administrativo havia sido arrombada com o auxílio de uma viga de madeira. Foram furtados dois computadores velhos, um aparelho de som portátil e dinheiro.

Já no sábado (27/12), a polícia foi comunicada de que o furto teria sido praticado por um adolescente de 17 anos, com várias passagens pela polícia por crimes diversos. Em diligências pela cidade, o suspeito foi localizado em companhia de outros dois adolescentes de 17 anos, na região do bairro Vila Nova.

No site A Gazeta News, a polícia diz que os três adolescentes tentaram fugir ao avistar a viatura da PM, contudo foram alcançados e acabaram confessando o furto. Os adolescentes falaram que haviam vendido o material furtado a Fábio e Valquiria.

Após confessar o crime, o trio foi conduzido ao Conselho Tutelar dos Direitos da Criança e do Adolescente de Coronel Sapucaia, mas durante a transição da PM para o Conselho um dos menores infratores acabou escapando e fugiu para o território paraguaio.

Os outros dois foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Coronel Sapucaia onde foi lavrado o "ato infracional" e foram liberados para responder pelo crime cometido em liberdade.

Conforme a PM, na residência de Fábio foi encontrado um dos computadores furtados e o aparelho de som portátil. Já na casa de Valquiria a polícia localizou um computador, inclusive com caixa de som.

Segundo a polícia um dos computadores foi vendido por R$ 60,00 e outro por apenas R$ 50,00 aos receptadores. Eles ainda estavam com as etiquetas de material carga do Estado.

A dupla acusada de receptar o material furtado recebeu voz de prisão e foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil de Coronel Sapucaia. O delegado titular local, Marcius Geraldo Cordeiro, explicou que a dupla receptadora foi indiciada em inquérito por receptação qualificada, crime que em caso de condenação acarreta em pena de 3 8 anos de prisão.

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions