A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

14/06/2010 09:40

Golpista admite falsificação de RG e é indiciado

Redação

Luiz André de Paula, de 36 anos, foi indiciado por estelionato na última quarta-feira no 1º Distrito Policial, após admitir ter feito empréstimo para um agente tributário estadual usando RG falsificado.

Segundo o delegado da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), Silvério Arakaki, será feito exame grafotecnico para verificar quem fez a assinatura no lugar do servidor público e também no documento apresentado na financeira para empréstimo.

Luiz André argumentou que é credenciado pela financeira e que simplesmente deu andamento a um processo de renegociação de dívidas em nome do servidor. Quanto à cédula de identidade falsificada, ele admitiu que adulterou documento em nome de André Luiz Chaves Neto, colocando a foto do agente tributário e alterando a filiação. Alegou que passava por dificuldades financeiras.

A vítima observa que a falsificação é grosseira e, inclusive, que o documento é expedido pelo Rio de Janeiro, quando o dele é de Mato Grosso do Sul. Além disso, segundo o servidor, a assinatura não tem qualquer semelhança com a dele. Já a financeira justifica que aprovou a operação porque o contrato foi reconhecido em cartório.

A Polícia chegou a Luiz André depois que ele tentou receber comissão de mais um contrato. Neste caso a financeira não aprovou a operação, mas marcou a data da entrega da comissão fictícia para que a Polícia chegasse ao estelionatário. Uma mulher foi ao local no lugar dele e a partir dela os policiais chegaram ao suspeito.

Agora o servidor vítima do golpe briga na Justiça para retirar a averbação do contrato feita na Secretaria de Administração e com isso impedir descontos mensais de R$ 4.900, devolvendo o valor financiado sem sua autorização.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions