A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

10/09/2016 11:30

Governador anuncia pacotes de R$ 2,5 bilhões em obras nas 79 cidades

Durante eventos em Dourados, governador adiantou que pacotes de investimentos estão sendo elaborados

Anahi Zurutuza e Helio de Freitas, de Dourados
Reinaldo Azambuja durante inauguração de praça em Dourados (Foto: Helio de Freitas)Reinaldo Azambuja durante inauguração de praça em Dourados (Foto: Helio de Freitas)

Durante assinaturas de repasses de R$ 21 milhões para obras em Dourados, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) adiantou que no início de 2017 lançará três grandes pacotes de investimentos que beneficiarão os 79 municípios de Mato Grosso do Sul. No total, serão R$ 2,5 bilhões para obras de infraestrutura urbana, saneamento e melhorias ou pavimentação de rodovias.

Os projetos ainda estão em fase de elaboração, mas a previsão é que as obras comecem ainda no primeiro semestre do próximo ano para que possam terminar, ao menos boa parte delas, até o fim de 2018.

Para o asfalto, recapeamento, drenagem nas cidades do Estado serão destinados R$ 370 milhões em recursos do governo federal e dos cofres estaduais, segundo Azambuja. Neste pacote, também estão programadas as construções de anéis viários no entorno de alguns municípios.

“É o caso de Itaporã. Nós vamos tirar o trânsito pesado do Centro, porque não tem cabimento aquelas carretas transitando nas ruas estreitas”, exemplificou o governador.

Para a ampliação e modernização da rede abastecimento de água, mas principalmente coleta e tratamento de esgoto, estão previstos mais R$ 340 milhões. Ainda há um pacote de recapeamento e pavimentação de rodovias estaduais sendo planejado pelo governo.

“Vamos anunciar no início do ano que vem estes três pacotes que nós estamos elaborando. Acho que vamos conseguir totalizar R$ 2,5 bilhões em investimentos”, destacou Reinaldo.

Recursos - O chefe do Executivo estadual finalizou explicando que além de verbas oriundas de programas do governo federal, estão sendo captados recursos de emendas dos deputados federais e senadores ao Orçamento Geral da União. “Fizemos um pacto com a nossa bancada, que para cada R$ 1 de emenda, a gente vai investir dos nossos recursos mais R$ 1”.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions