A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

28/11/2011 10:02

Governo corta salários na Iagro e prevê contratações emergenciais

Marta Ferreira

Punições a servidores em operação-padrão foram publicadas hoje no Diário Oficial

Como havia informado o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), foi publicado hoje no Diário Oficial do Estado, decreto que aplica punição aos servidores da Iagro (Agência de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) que estão em operação-padrão. A mobilização está atrasando os trabalhos no órgão, em plena campanha de vacinação contra a febre aftosa.

O decreto prevê corte salarial, afastamento dos servidores e abertura de processo disciplinar contra os servidores que provoquem o “retardamento proposital” da emissão de documentos.

Além disso, o decreto autoriza a Iagro a contratar pessoal, em caráter emergencial, para fazer o trabalho. Conforme o texto, a contratação é para

preservar “a qualidade do serviço e as emissões dos documentos necessários para o regular funcionamento da Iagro.

A contratação é pelo prazo de um ano, prorrogável por igual período, “até o restabelecimento das atividades normais da Iagro”.

Motivos-Ao justificar as medidas, o texto afirma que foram recebidas inúmeras reclamações, de produtores rurais, acerca da extrema dificuldade de obtenção nos escritórios da Iagro da emissão de GTA (Guia de Trânsito Animal), para trânsito de animais vivos, ovos férteis e outros materiais de manipulação animal, em virtude da demora dos servidores da Agência para efetuar a emissão do respectivo documento;

Conforme o texto, alguns escritórios suspenderam suas atividades parcialmente, dificultando o atendimento ao produtor.

Contra operação-padrão, liminar libera GTA sem embarque acompanhado
Segundo Famasul, exigência retardava embarque de animaisA Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) obteve liminar na just...
Com servidores do Iagro em operação padrão, André rejeita negociar sob pressão
O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), mandou um recado hoje aos servidores da Iagro (Agência de Defesa Sanitária Animal e Vege...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...


Esse decreto é descaradamente arbitrário.
 
Luiz Henrique Gomes em 28/11/2011 11:31:00
Não sei qual a sua formação Carlos Borges, mas com certeza se tivesse não falaria de nenhum profissional, e vc está extremamente desinformado, para se fazer qualquer comentário deve -se estar por dentro do que se está acontecendo, e infelizmente pra seu conhecimento o BRASIL é um País Democrático... Liberdade de reinvindicar salários é direito de todo cidadão.... Há muito tempo a ditadura acabou .
 
maria da silva em 28/11/2011 09:36:47
Parabéns ao Governador, está certissimo. Se não quer trabalhar não tem que receber salário. Falta fazer o mesmo na SGI onde o povo fica até babando em cima das mesas em horário de serviço.
 
Carlos Borges em 28/11/2011 01:53:21
Justiça "NELE", a do trabalho porque essa questão se a trabalho, o pessoal do IAGRO não estão em greve, portanto, corte de salários, TRT "NELE".
 
ROSEMAR BERTOLDI em 28/11/2011 01:18:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions