A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

05/08/2008 16:56

Greve de 24 horas dos servidores da saúde é suspensa

Redação

Os servidores da saúde que fariam uma paralisação de 24 horas nesta quarta-feira, em Mato Grosso do Sul, anunciaram que a mobilização está suspensa até sexta-feira, quando será decidido se a categoria aceita a contraproposta feita pelo governo do Estado aos servidores.

O presidente do Sintss (Sindicato dos Trabalhadores da Seguridade Social), Júlio das Neves, relatou ao Campo Grande News que hoje pela manhã foi realizada uma reunião entre líderes sindicais e o presidente da Funsau (Fundação Serviços de Saúde de Mato Grosso do Sul), Roberto Paquera, e que foi apresentada aos servidores uma proposta que deve ser levada aos demais funcionários em assembléias previstas para quinta e sexta-feira no Hospital Regional.

Pela sugestão do governo do Estado, será criada uma tabela de salários, que visa regularizar os salários dos servidores de acordo com a função que exercem pela escolaridade, pois segundo Neves, alguns servidores de nível fundamental atuam em funções de nível médio recebendo salário inferior ao do cargo.

Outra proposta foi um acréscimo ao salário de R$ 100 para servidores de nível fundamental, R$ 120 para funcionários de nível médio e R$ 150 para trabalhadores de nível superior, que se acatada pela categoria pode estar em vigor já no mês de setembro.

Foi discutida, ainda, na reunião a questão do reajuste salarial que pode ser concedido à categoria médica e conforme Neves, o aumento foi confirmado pela Funsau.

O presidente do Sintss informou que as sugestões serão analisadas e votadas e a decisão encaminhada novamente ao governo por meio da Funsau, para daí serem tomadas novas decisões quanto a uma possível greve. Os servidores reivindicam a aplicação imediata do Plano de Cargos e Carreiras previsto pela Lei 3193 e que dispõe de reajustes lineares a todos os trabalhadores da saúde no Estado.

Fazem parte da categoria pelo menos três mil funcionários distribuídos pelo Hospital Regional, Hemosul (Centro de Hematologia e Hemoterapia de Mato Grosso do Sul), Secretaria de Saúde e Lacen (Laboratório Central de Campo Grande), além de unidades no interior do Estado.

Termina na 4ª feira prazo para adotar cartinha e ajudar Papai Noel dos Correios
Termina na próxima quarta-feira (dia 13) o prazo para quem quiser adotar uma cartinha do projeto Papai Noel dos Correios. Os interessados devem compa...
Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions