A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

18/08/2010 20:14

Greve de 70% dos enfermeiros começa 2ª na Santa Casa

Redação

A partir das 6h30 de segunda-feira (23), 70% dos profissionais de enfermagem da Santa Casa entrarão em greve, de acordo decisão definida em assembleia realizada pelo Siems (Sindicato dos Trabalhadores na área de Enfermagem de Mato Grosso do Sul), nesta tarde, no hospital.

Ana Lúcia Domingues, diretora financeira do Siems, disse ao Campo Grande News que a greve é indeterminada. Atualmente, 840 trabalhadores compõem o quadro de pessoal de enfermagem na Santa Casa.

Nesta quarta-feira foram realizadas três assembleias para a discussão da greve: 6h30, 12h30 e a terceira no início desta noite. Agora só um reajuste de 15% interessa à categoria, de acordo com Ana Lúcia.

No dia 10 deste mês aconteceu audiência conciliatória entre Siems e representantes da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) no TRT (Tribunal Regional do Trabalho). No entanto, negociadores da Junta Interventora da Santa Casa não compareceram.

A falta de consideração da Junta Interventora foi o estopim para que o movimento de greve fosse declarado. Ontem o sindicado publicou edital confirmando a paralisação. Apesar das 72 horas vencerem no sábado, Ana Lúcia esclarece que a greve começará na segunda pelo fato de ser um dia comercial, quando a maioria dos órgãos estão abertos.

Apenas 30% do quadro efetivo de todos os setores será escalado para casos de emergência.

Entre os dias 12 e 16 do mês passado, praticamente 70% da categoria que trabalha na Santa Casa fez greve de olho no reajuste. Desde então a Junta Interventora persiste num aumento de apenas 5,49%.

Além do reajuste de 15% os trabalhadores em enfermagem querem benefícios como creche, cesta básica, adicional de período noturno e acréscimo de ganho na insalubridade.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions