A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

18/08/2010 14:47

Greve de peritos do INSS completa dois meses

Redação

A greve de médicos-peritos do INSS completa 2 meses, mas a Previdência Social garante que a paralisação não compromete a qualidade no atendimento em Mato Grosso do Sul.

Dos 62 profissionais que trabalham para o órgão, 50% estão parados. A outra metade faz revezamento para cumprir a lei que determina percentual de serviços preservados.

Apesar da defasagem, no site da Previdência o agendamento de perícias é feito para a próxima semana. Na agência central de Campo Grande, por exemplo, uma pessoa que tentar atendimento hoje vai conseguir para o dia 23.

Já na agência da rua Alexandre Fleming, a demora é bem maior para quem busca o auxílio-doença. Só é possível marcar perícia para 15 de setembro.

No interior, como em Aquidauana e Dourados, por exemplo, o agendamendo é feito já para a próxima sexta-feira pela internet.

A perícia médica previdenciária está em greve desde o dia 22 de junho. Pelos cálculos do Instituto Nacional do Seguro Social mais de 400 mil perícias deixaram de ser feitas no período.

Em Campo Grande, a assessoria de imprensa do INSS garante que os serviços não foram prejudicados.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions