A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

25/03/2008 12:17

Homem que matou esposa de PM pega 8 anos de prisão

Redação

Em julgamento realizado nesta terça-feira Frederico Gómez Armoa, 30 anos, foi condenado a oito anos e seis meses de prisão em regime fechado por ter matado a tiros a garçonete Silvéria Costa Araújo no início da madrugada do dia 13 de novembro de 2006, em Campo Grande. Ela era esposa do policial militar Valdecir Ferreira.

Na sentença o juiz Júlio Roberto Siqueira Cardoso, da 1ª Vara do Tribunal do Júri, levou em consideração outras condenações dele e o envolvimento com uso e tráfico de drogas. Os jurados entenderam que ele agiu consciente e que o tiro não foi acidental, como alegou.

Frederico está preso desde o ano passado, quando foi flagrado com documento falso, após ter ficado três anos foragido. Dois dias após o assassinato ele se apresentou à Polícia Civil, confessou o crime, mas disse que o tiro foi acidental.

Versão que manteve em juízo. Em depoimento ao juiz Júlio Roberto em dezembro do ano passado, ele disse que chegou na lanchonete com a intenção de pedir a Silvéria, que era amiga dele, para guardar a arma que havia comprado por R$ 20. Ao colocar a arma no balcão, um tiro foi disparado para cima e atingiu Silvéria, segundo ele.

Além de ter a esposa morta, Ferreira, teve o filho mais novo, Devidson Faria Ferreira, o Gú, 18 anos, também assassinado a tiros no início de fevereiro deste ano, no bairro Aero Rancho.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions