A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/10/2011 12:32

Incra libera recursos para acelerar certificação de imóveis rurais em MS

Edmir Conceição

O senador Delcídio do Amaral (PT/MS) conseguiu junto ao Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) a liberação de R$ 3 milhões que serão investidos no trabalho de informatização e digitalização dos dados do acervo fundiário e mapeamento topográfico de Mato Grosso do Sul, ação que considera fundamental para acelerar o processo de regularização e certificação dos imóveis rurais no estado. Delcídio foi comunicado da decisão durante reunião com o diretor Nacional de Estrutura Fundiária do INCRA, Richard Torsiano.

“Tratamos da regularização fundiária, especialmente na região de fronteira, além das questões que envolvem as comunidades quilombolas e as aldeias indígenas. A digitalização vai qualificar a gestão dos imóveis rurais em Mato Grosso do Sul e acelerar o processo de regularização e certificação. Montamos um programa de trabalho para, através do Incra, implementar todas as medidas que vão trazer tranqüilidade ao campo e eliminar uma série de dificuldades, problemas e até conflitos”, acredita o senador.

Segundo Delcídio, o trabalho de digitalização do acervo fundiário será realizado por meio de convênio a ser celebrado entre o Incra e o Governo do Estado agora outubro. Como contrapartida, o governo estadual vai disponibilizar 14 técnicos para analisar os processos de regularização e certificação dos imóveis rurais.

“O Incra está empenhado em atender as demandas apresentadas pelo senador com relação à certificação dos imóveis rurais, a ratificação de títulos em faixa de fronteira, a questão dos territórios quilombolas e indígenas. Uma das principais preocupações é de que isso ocorra sem gerar nenhum tipo de conflito social. Com certeza, a digitalização do acervo fundiário, que começa logo após a assinatura do convênio, será importante em todo esse processo, pela qualificação da gestão, do conhecimento e das informações da estrutura fundiária de Mato Grosso do Sul”, assegura o diretor Nacional de Estrutura Fundiária do INCRA, Richard Torsiano.

Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions