ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, TERÇA  01    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Agricultura familiar é base de projeto social que distribui cestas de alimentos

Por Paulo Nonato de Souza | 18/01/2017 14:18
Prefeitura de Ponta Porã distribuiu 600 cestas de alimentos para famílias de baixa renda nesta quarta-feira (Foto: Assessoria)
Prefeitura de Ponta Porã distribuiu 600 cestas de alimentos para famílias de baixa renda nesta quarta-feira (Foto: Assessoria)

Alimentos produzidos por agricultores familiares de Ponta Porã são a base de 600 cestas de alimentos distribuídas para famílias de baixa renda nesta quarta-feira, 18, em uma ação conjunta da Secretaria Municipal de Assistência Social e Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável.

Entre os produtos da cesta estão abacaxi, abobora, maracujá, pepino, limão, quiabo, banana, manga, melão, melancia, cebolinha, salsinha, couve-flor, maxixe, pimentão, repolho, rúcula, beterraba, batata-doce, caju e chuchu. De acordo com a Secretaria de Assistência Social, algumas das famílias contempladas vivem na condição de extrema pobreza,

“Além de receber os alimentos, as famílias em situação de vulnerabilidade terão acesso a cursos profissionalizantes para que possam ser inseridas no mercado de trabalho e com isso, obter renda melhorando a qualidade de vida”, disse secretária de Assistência Social, Vera Lúcia de Oliveira.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente, Daniel Valdez Puka, disse ao visitar a Cooperai, cooperativa do distrito de Nova Itamarati, onde os alimentos são produzidos, o objetivo do programa social é incentivar a agricultura familiar para que os pequenos produtores tenham condições de aumentar suas rendas.

“O acordo entre os agricultores e a prefeitura representa uma boa fonte de renda e é isso que mantem várias famílias de agricultores familiares em atividade”, disse Everton Cardoso, responsável pela distribuição de alimentos. Os produtores incluídos nesta parceria fazem parte do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário