ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUARTA  05    CAMPO GRANDE 29º

Interior

Após 14 dias, prefeitura decreta reabertura do comércio em Rio Brilhante

Todos os estabelecimentos terão de obedecer normas de prevenção à covid-19

Por Clayton Neves | 09/07/2020 11:52
Ruas do centro de Rio Brilhante, que já tem dois óbitos provocados pela covid-19. (Foto: Divulgação)
Ruas do centro de Rio Brilhante, que já tem dois óbitos provocados pela covid-19. (Foto: Divulgação)

Decreto publicado nesta quinta-feira (9) autoriza a reabertura do comércio em Rio Brilhante após 14 de "lockdown". Quarta cidade no ranking da covid-19 em Mato Grosso do Sul, a cidade tem 414 casos confirmados e duas mortes provocadas pela doença.

No documento, assinado pelo prefeito Donato Lopes da Silva, fica  determinado que o atendimento ao público poderá ser feito de maneira presencial de segunda à sexta-feira das 7 às 18 horas, e aos sábados das 7 às 12. Nos domingos e feriados, as lojas deverão passar por desinfecção, obrigatória pelo menos uma vez na semana.

Farmácias, drogarias, entregas de gás e postos de combustível, terão permissão para funcionar todos os dias das 6 às 20 horas. Restaurantes, lanchonetes,e sorveterias, por exemplo, também poderão abrir todos os dias das 7 horas até as 22 horas, no entanto,  a consumação no local será permitida apenas até às 14 horas.

Academias não podem funcionar sábado, domingos e feriados, e os treinos poderão ser feitos das 5 às 20 horas. Salões de beleza, barbearia e espaços de estética estão autorizados de segunda à sábado das 7 às 18 horas.

O horário de funcionamento nos órgãos públicos será das 7 horas às 11 horas, incluindo o atendimento ao público, com exceção dos setores vinculados à Secretaria Municipal de Saúde, Serviços essenciais da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Secretaria Municipal de Assistência Social.

Todos os estabelecimentos terão de obedecer normas de prevenção como disponibilização de álcool em gel, uso de máscara, redução na capacidade de atendimento e respeito à distância de segurança.

Lockdown - O fechamento do comércio  foi anunciado no dia 24 de junho, quando a cidade tinha 263 casos confirmados dois óbitos registrados em decorrência do novo coronavírus. Nesta quinta-feira (9), duas semanas depois, a cidade computa 414 casos confirmados   e o número de casos continua o mesmo.