A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Setembro de 2019

12/09/2019 16:05

Após denúncia, PM consegue salvar jovem de execução pelo PCC

Dois suspeitos vigiavam a vítima e foram presos em flagrante. No local ainda foram apreendidas porções de maconha

Geisy Garnes
Porções de maconha foram encontradas enterradas no quintal da casa (Foto: Divulgação 5º BPM)Porções de maconha foram encontradas enterradas no quintal da casa (Foto: Divulgação 5º BPM)

Policiais militares regataram uma jovem de 21 anos que seria julgada e executada pelo “Tribunal do Crime” do PCC (Primeiro Comando da Capital), em Coxim – a 260 quilômetros de Campo Grande. As equipes chegaram a casa onde a vítima era mantida presa há cinco dias na noite desta quarta-feira (11).

Conforme informações do site Edição de Notícias, as denúncias feitas ao 190 avisaram a polícia que a vítima era mantida refém por integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital) e logo seria julgada no “Tribunal do Crime” da facção.

Policiais da Força Tática foram até o local indicado na denúncia, uma casa da Rua Amâncio Duarte, e encontraram a vítima “vigiada” por dois homens, de 22 e 24 anos. A jovem contou que foi mantida presa dentro da própria casa por cinco dias. Nesse tempo foi vigiada 24 horas e não tinha autorização para falar com ninguém.

A vítima ainda confirmou aos militares que só aguardava a “sentença” para ser executada pelos faccionados. A casa, conhecida na região por ser ponto de venda de drogas, foi vistoriada pelas equipes, que encontraram 37 papelotes de maconha enterrada no quintal da casa, prontas para a venda.

Presos em flagrante, os suspeitos foram levados para a delegacia de Polícia Civil da cidade, junto com a droga e os celulares apreendidos com ele. Caso é investigado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions