A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Agosto de 2018

25/01/2016 10:31

Após passarem dia bebendo, amigos discutem e jovem é morto com facada no peito

Liana Feitosa
Vítima foi atingido por golpe de faca e não resistiu. (Foto: Maikon Leal/ Coxim Agora)Vítima foi atingido por golpe de faca e não resistiu. (Foto: Maikon Leal/ Coxim Agora)

Discussão entre amigos resultou na morte do trabalhador rural Marcelo Carvalho da Silva, de 20 anos. Ele morreu após ser atingido por um golpe de faca no peito por volta de 23h50 de ontem (24), domingo, em uma fazenda na região do Jauru, em Figueirão, cidade a 226 quilômetros da Capital.

O jovem morreu às 2
h30 de hoje (25) após dar entrada no Hospital Regional Dr. Álvaro Fontoura Silva, em Coxim, cidade a 260 quilômetros de Campo Grande.

Caso - Marcelo, a esposa dele e o colega de trabalho dele, Odair de Paula, de 37 anos, estavam na fazenda ingerido bebida alcoólica durante todo o dia quando, em determinado momento, Marcelo disse para Odair que não queria mais beber e, segundo o site Coxim Agora, fechou a porta da casa para Odair.

Odair não gostou da atitude e foi até sua residência procurar uma faca. Em seguida, retornou à casa de Marcelo, arrombou a porta e desferiu a facada no peito de Marcelo. A esposa da vítima, uma adolescente de 16 anos, tentou defender o marido, mas também foi ferida com um golpe no dedo indicador da mão direita.

Socorro - As vítimas foram levadas por testemunhas até o Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) na BR-359, foram socorridos e encaminhados para o hospital, mas Marcelo morreu assim que chegou na unidade de saúde. Ele tinha um bebê de 4 meses com a esposa.

Testemunhas tentaram conversar com o autor após o crime, mas ele estava bastante nervoso e tentou agredir e jogar a faca usada no crime na direção das pessoas. Além disso, tentou arrombar outra porta do local para agredir as testemunhas.

Alterado, pegou o trator da propriedade e fugiu, destruindo uma porteira. Ainda segundo o Coxim Agora, Odair foi preso logo depois pela Polícia Militar de Figueirão e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Camapuã.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions