ACOMPANHE-NOS    
MAIO, DOMINGO  31    CAMPO GRANDE 27º

Interior

Após matar, atiradores roubaram celulares de vítima e de testemunha

Uma pessoa foi executada aconteceu na noite de ontem (6), na Rua Cândido de Carvalho, no Parque das Nações I

Por Viviane Oliveira | 07/04/2020 06:43
Homem foi executado com vários tiros enquanto conversava em varanda de quitinete (Foto: Adilson Domingos)
Homem foi executado com vários tiros enquanto conversava em varanda de quitinete (Foto: Adilson Domingos)

Depois de executarem Everton Jonatas de Oliveira, 32 anos, com mais de 30 disparos de pistola 9 milímetros, os atiradores levaram o celular da vítima e de uma testemunha de 23 anos. O crime aconteceu na noite de ontem (6), na Rua Cândido de Carvalho, no Parque das Nações I, em Dourados, distante 233 quilômetros de Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, dois vizinhos contaram que conversavam com Everton na varanda da quitinete onde a vítima vivia, quando três homens encapuzados e armados com pistolas invadiram o local dizendo: "encosta na parede, mãos para cima". Na sequência dispararam diversas vezes contra o rapaz.

As testemunhas, então, correram para suas quitinetes, porém após a execução um dos autores mandou uma das vizinhas entregar o seu celular. Eles também levaram o aparelho da vítima que estava ao lado do corpo. No local há câmeras de monitoramento e as imagens podem ajudar a polícia durante a investigação.

Os moradores não souberam informar as características dos atiradores. Eles disseram que Everton não havia comentado sobre ameaças e não demonstrava preocupação. A Perícia Técnica esteve no local e recolheu aproximadamente 28 cápsulas de munição calibre 9 milímetros. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) como homicídio qualificado e roubo.