ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Bombeiros levam 5h para extinguir chamas que ameaçavam fazendas à margem de rio

A densa fumaça causada pelo incêndio chegou até o perímetro urbano de Ladário

Adriano Fernandes | 05/11/2020 23:06


Em mais uma operação de combate ao fogo no Pantanal, militares do Corpo de Bombeiros apagaram, nesta quinta-feira (05) as chamas que ameaçavam atingir fazendas que ficam às margens do Rio Paraguai, em Ladário, município que fica a 419 quilômetros de Campo Grande.

Foram cerca de cinco horas de trabalho até que todas as chamas que atingiam a vegetação em frente ao Porto Ecológico de Ladário, fossem extintas. Os bombeiros chegaram ao local pelo rio.

Além de equipamentos usuais para esse tipo de operação, como abafadores, os bombeiros também usaram mais de cem metros de mangueira, acopladas a uma moto bomba no rio, para levar a água até os focos.

A densa fumaça causada pelo incêndio chegou até o perímetro urbano de Ladário, ainda conforme o 3° Grupamento de Bombeiros Militar, responsável pela ação.

Focos de incêndio na região da Serra do Amolar. (Foto: Corpo de Bombeiros)
Focos de incêndio na região da Serra do Amolar. (Foto: Corpo de Bombeiros)

Serra do Amolar - O trabalho de combate aos incêndios também segue intenso na Serra do Amolar, a aproximadamente 200 de Corumbá, através do Rio Paraguai. Por lá a Reserva Particular do Patrimônio Natural Eliezer Batista têm sido a região mais devastada pelos focos de incêndio.

O curto período chuvoso na região não foi o suficiente para manter a vegetação encharcada e a umidade relativa alta na reserva. Há suspeita de que os focos na região tenham sido criminosos, mas o foco no local também pode ser resultado dos focos de incêndio que se alastraram a partir do Estado vizinho, Mato Grosso.

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul e IBAMA/Prevfogo permanecerão na reserva natural por tempo indeterminado


Nos siga no Google Notícias