A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

03/11/2015 12:45

Com receita de torta de pequi, merendeira de MS concorre a prêmio nacional

Flávia Lima
Ambrosina (esq) e a nutricionista Elenice desenvolveram torta a base de pequi. (Foto:Divulgação)Ambrosina (esq) e a nutricionista Elenice desenvolveram torta a base de pequi. (Foto:Divulgação)

A receita de uma torta de pequi, fruta típica do Cerrado, levou uma merendeira de Figueirão, distante 226 quilômetros de Campo Grande, a concorrer ao prêmio nacional de Melhores Receitas da Alimentação Escolar, do Ministério da Educação.

Lotada na Escola Municipal Antônio Inácio Furtado, Ambrosina Crisóstomo da Silva, 39, chegou a final do concurso com a torta, que já foi incluída no cardápio dos alunos.

Se vencer, ela vai faturar um prêmio de R$ 5 mil, além de uma viagem internacional. Os vencedores serão anunciados no dia 18 de dezembro, em Brasília.

Ambrosina contou com o apoio de duas profissionais, a nutricionista Ivete Coelho de Souza e a diretora da escolaElenice Fátima Custódio da Silva. A ideia de desenvolver a torta surgiu pelo fato do produto ser abundante na região e a estratégia era conciliar um produto saudável, nutritivo e barato, em época de safra.

"Entre os meses de novembro e fevereiro, o pequi se torna muito comum nesta região e, além de possuir um óleo altamente nutritivo, antioxidante e anti-inflamatório, é um fruto que possui ácidos graxos monoinsaturados, que faz bem ao coração, semelhante aos óleos encontrados em azeite e nozes” , enfatiza Ivete.

A diretora se diz otimista com a vitória e diz que o prato valoriza a cultura regional. “Espero que em breve possamos apresentar a receita campeã,que valoriza os produtos do cerrado", pontua.

Ambrosina nasceu em Figueirão quando ainda o município ainda era um distrito de Camapuã. Ela conta que saiu poucas vezes da região, por isso está ansiosa com a possibilidade de conquistar uma viagem para fora do país. "Mal saí de Figueirão. Vai ser muito bom. E tudo isso por conta de um fruto que as crianças daqui adoram, a ponto de algumas ficarem em baixo do pé, esperando cair”, diz a merendeira.

O concurso conta com a fase eliminatória, além das etapas estadual, regional e nacional e a participação da profissional também teve o incentivo do prefeito Rogério Rosalin. "Foi uma iniciativa desse grupo, que apoiei porque nos apresenta novas possibilidades, com apresentação de um cardápio mais regional, valorizando nossa terra, produtores rurais e contribuindo com a saúde dos estudantes", diz.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions