A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

30/09/2014 12:18

Correios confirma que denúncia de fraude foi feita pelo órgão

Viviane Oliveira

A Agência de Correios e Telégrafos informou por meio de nota que o funcionário de 29 anos suspeito de fraude em Bataguassu, distante 335 quilômetros de Campo Grande, foi preso depois de uma denúncia do órgão à Polícia Federal.

A assessoria de imprensa esclarece que a informação de suspeita de fraude à polícia partiu dos correios, após a constatação de inconsistência nos controles internos da empresa. “Como dever ético e legal, a agência dos Correios procurou a PF, relatando a suspeita e possibilitando o fragrante”, diz a nota. Além do inquérito policial, o empregado irá responder a uma sindicância disciplinar interna.

Segundo a Polícia, as fraudes consistiam em faturar despesas de postagens de encomendas de usuários em nome da Prefeitura Municipal da cidade. O funcionário de acordo com a Polícia, cobrava dos clientes o valor faturado da postagem. Ele entregava os comprovantes com os cabeçalhos cortados para que não fosse identificada a despesa faturada em nome da Prefeitura.

Ainda conforme informações da Polícia, o funcionário se apropriava dos valores arrecadados fraudulentamente, causando prejuízo aos cofres públicos do município de aproximadamente R$ 40 mil. O acusado foi encaminhado à Polícia Federal de Três Lagoas e vai responder pelos crimes de peculato e inserção de dados falsos em sistema de informações. O nome do funcionário não foi divulgado pela polícia.




Posicionamento dos Correios:
Em relação à prisão de empregado dos Correios no município de Bataguassu, esclarecemos que a informação de suspeita de fraude à Polícia Federal partiu dos Correios, após a constatação de inconsistências nos controles internos da empresa. Como dever ético e legal, os Correios procuraram a PF, relatando a suspeita e possibilitando o flagrante.
Além do inquérito policial, o empregado irá responder a uma sindicância disciplinar interna, incorrendo nas sanções previstas.
 
Kleomar em 01/10/2014 08:01:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions