A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

22/12/2015 17:42

Dependente de drogas executado na fronteira com Paraguai levou 36 tiros

Helio de Freitas, de Dourados
Homem conhecido nas ruas de Pedro Juan Caballero foi executado nesta terça-feira (Foto: Divulgação)Homem conhecido nas ruas de Pedro Juan Caballero foi executado nesta terça-feira (Foto: Divulgação)

Foi identificado como Adilson da Silva, 36, o homem executado na manhã desta terça-feira (22) em Pedro Juan Caballero, na fronteira do Paraguai com o Brasil. Conhecido como “Hippie”, o homem vivia nas ruas da cidade paraguaia e tinha várias passagens por furtos. Ele era usuário de drogas, segundo pessoas que o conheciam.

Natural de Itajaí (SC), Adilson da Silva era filho de Jandira da Silva e Amaro Lídio da Silva. Segundo policiais paraguaios, Adilson da Silva levou 36 tiros de pistola 9 milímetros – pelo menos 23 deles nas costas.

O crime ocorreu por volta de 8h30 na Rua Issac Alvarez, esquina com Fulgéncio Moreno, do bairro Maria Victoria. Adilson foi parado por ocupantes de um Gol, que o executaram no meio da rua.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions