A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/01/2016 15:35

Detento se irrita, empurra e agride agente penitenciário dentro de cela

Renata Volpe Haddad
Lucas Henrique empurrou e chutou agente penitenciário na última quinta-feira (14). (Foto: Reprodução)Lucas Henrique empurrou e chutou agente penitenciário na última quinta-feira (14). (Foto: Reprodução)

Lucas Henrique da Costa, 21 anos, foi transferido para uma presídio de Segurança Máxima de Campo Grande após xingar, empurrar e chutar um agente penitenciário na última quinta-feira (14) em Corumbá, distante 419 km da Capital. Um vídeo que está circulando pela internet, mostra a ação do acusado dentro da cela.

O caso aconteceu no estabelecimento penal masculino do município e o preso em questão foi condenado pela prática de crime sexual. As imagens foram gravadas pelo circuito interno de câmeras do presídio e divulgadas hoje.

Nas imagens é possível ver que o agente penitenciário entra em uma cela com três presos. Lucas começa a gritar com o servidor, o empurra e outro agente segura o rapaz. A vítima não reage e o preso chuta o servidor público. Um terceiro agente aparece para conter Lucas, que continua agressivo e a cela é fechada em seguida.

Segundo o diretor da Agepen/ MS (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) de Mato Grosso do Sul, Ailton Stropa, as imagens divulgadas mostram atitudes que se tornaram rotinas nos presídios. "O vídeo é de uma câmera interna de monitoramento e as imagens mostram a rotina dos agentes penitenciários, porque nem todo preso é educado, e eles estão ali porque cometeram algum crime", afirma.

Lucas foi transferido para um presídio de segurança máxima e vai ficar em cela disciplinar por 10 dias. "Foi aberto um procedimento administrativo para apurar o caso e o agente penitenciário registrou um boletim de ocorrência contra o preso. Todas as providências foram tomadas", alega Ailton.

De acordo com o diretor da Agepen, o detento justificou a agressão dizendo que se irritou com o agente que chamou sua atenção. A situação aconteceu quando Lucas saiu de sua cela e caminhava em direção ao pavilhão administrativo, sem autorização."Sendo assim, o servidor abordou o interno que foi agredido verbalmente e fisicamente", avalia.

O diretor da Agepen comenta ainda que como as imagens são de câmera interna, um servidor público deve ter divulgado. "Estamos instaurando uma sindicância para apurar quem divulgou as imagens, pois elas são de consumo interno para nossa segurança e não podem circular por aí, porque as pessoas começam a conhecer a planta do presídio", informa.

O nome do agente penitenciário foi preservado. Assista ao vídeo:

Inscrição para concurso da Agepen começa nesta segunda-feira
Começa na segunda-feira (11) o período de inscrição do concurso da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), que disponibi...
Governo firma contrato com a Fapems para realização do concurso da Agepen
O governo estadual publicou extrato de contratação da Fapems (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de MS), que vai organizar, planejar...
Investigador da polícia agredido por preso morre a caminho do hospital
O investigador da Polícia Civil, Anderson Garcia da Costa, que foi agredido por um detento na manhã desta quarta-feira (25) em Pedro Gomes, distante ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions