ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SEXTA  14    CAMPO GRANDE 31º

Interior

Em espaço provisório, IFMS de Paranaíba prevê início das aulas no 2° semestre

Inicialmente, estudantes irão compartilhar salas com a E. E. Aracilda Cícero Corrêa da Costa, aponta o IFMS

Por Mylena Fraiha | 24/04/2024 18:09
Letreiro do IFMS, em unidade da Capital (Foto: Divulgação)
Letreiro do IFMS, em unidade da Capital (Foto: Divulgação)

O IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) protocolou na última terça-feira (23), junto ao MEC (Ministério da Educação), toda a documentação necessária para a implantação de um novo campus em Paranaíba, a 408 km da Capital. A previsão é de que as aulas iniciem no segundo semestre de 2024, para atender a uma demanda de 1,4 mil estudantes.

A documentação inclui uma carta da Prefeitura Municipal de Paranaíba, na qual demostra a intenção de doar ao IFMS uma área de 50 mil m² para a construção da sede definitiva da instituição.

Esta área está localizada na Vila Santo Antônio, às margens da BR-158, e conta com acesso a redes de água, energia, internet e telefonia, além de uma quadra poliesportiva coberta de 600 m², cuja estrutura também está sendo cogitada para doação.

Vista aérea de área que será doado ao IFMS pela Prefeitura de Paranaíba (Foto: Divulgação)
Vista aérea de área que será doado ao IFMS pela Prefeitura de Paranaíba (Foto: Divulgação)

Para iniciar as operações enquanto a sede definitiva é construída, o IFMS está em processo de formalização de um acordo com a SED (Secretaria de Estado de Educação) para o uso compartilhado da Escola Estadual Aracilda Cícero Corrêa da Costa, localizada no centro da cidade.

Paralelamente, o IFMS e a Prefeitura Municipal de Amambai assinaram uma Carta de Compromisso, comprometendo-se a viabilizar a compra e doação de uma área para a construção da sede definitiva do campus em Amambai, a 351 km da Capital.

O município de Amambaí também garantirá toda a infraestrutura necessária para a implantação da unidade, como fornecimento de água, luz, internet, telefonia e linhas de ônibus.

Cursos - Inicialmente, o Campus Paranaíba ofertará cursos de FIC (Formação Inicial e Continuada), com foco em qualificação profissional. A partir de 2025, está prevista a inclusão de cursos técnicos dos Eixos Informação e Comunicação, Gestão e Negócios, e Recursos Naturais, direcionados às necessidades regionais e ao desenvolvimento local.

O pró-reitor de Desenvolvimento Institucional do IFMS, Fernando Silveira, prevê que o novo campus possibilite a oferta de cursos alinhados às demandas locais. O planejamento do campus enfatiza quatro áreas principais de atuação: Tecnologia da Informação, Agropecuária, Gestão de Negócios e Educação, todas selecionadas com base no perfil socioeconômico da região.

Quanto à capacidade de atendimento, espera-se que o campus acomode 1.400 estudantes, sendo 80% das vagas destinadas a cursos técnicos, em resposta à demanda identificada por formação técnica na região. Está prevista também a contratação de 70 docentes e 60 técnicos-administrativos em educação para compor o quadro de servidores da nova unidade.

Novo PAC - Paranaíba e Amambai foram escolhidos pelo Governo Federal para sediar dois dos novos campi do IFMS, como parte do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). Cada município receberá um investimento de R$ 25 milhões para a construção das instalações e aquisição de mobiliário e equipamentos.

Com isso, espera-se a geração de aproximadamente 140 mil novas vagas em todo o país, principalmente em cursos técnicos integrados ao ensino médio.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias