A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Maio de 2019

01/04/2019 18:06

Estelionatário usa nome de produtor para aplicar golpe e furtar caminhão

Produtor foi avisado por amigos que nome dele estava sendo usado por estelionatário; golpista simulou depósito de R$ 57 mil e levou caminhão

Silvia Frias

O produtor rural Inácio Cecossi de Lima, 59 anos, registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil após descobrir que seu nome foi usado por um estelionatário que aplicou golpe e furtou caminhão em Campo Grande.

O caso foi registrado como preservação de direito na Polícia Civil de Coxim. O produtor é de Maringá (PR), mas mora no município há 11 anos. Ontem, foi avisado por amigos que o nome dele foi divulgado como suposto comprador de caminhão, envolvido em estelionato. “Fui na rádio, fiz boletim de ocorrência, é meu nome que está sendo usado, todo mundo me conhece na cidade”, lamentou o produtor.

O golpista usou o nome do produtor para negociar a compra de um caminhão de Eldorado (placa AMN 4121/Iveco Eurotech), oferta que estava sendo intermediada por Anderson Barbosa, 33 anos, no valor de R$ 57 mil.

No dia 27 de março, Barbosa recebeu ligação do suposto comprador . Três dias depois, o estelionatário enviou comprovante de depósito de R$ 57 mil. O valor não caiu na conta e o homem disse à Barbosa que deveria ser efetuado em 24horas.

Eles combinaram a entrega do caminhão no sábado, em um posto próximo da rodoviária de Campo Grande. Barbosa pagou um motorista para pegar o caminhão em Eldorado e levar ao local indicado.

O motorista disse a ele que ficou esperando até 8h, mas ninguém apareceu. Por mensagem, o comprador pediu para deixar o veículo no local, com a chave no contato.

Barbosa retirou novamente um extrato da conta e o dinheiro não havia caído, sendo orientado pelo gerente do banco a registrar a ocorrência. Ele tentou contato com o comprador, mas a pessoa deixou de atender ao telefone ou responder as mensagens.

O nome de Inácio Cecossi chegou a ser usado pela reportagem, com base no registro da ocorrência, mas foi retirado da matéria, a pedido. O caso será apurado pela Polícia Civil de Coxim.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions